Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Comando da Eletrobras propõe mudanças na governança

A reação positiva dos investidores se deve à troca do diretor financeiro da companhia.
Foto: Divulgação

Embora o governo não esteja dialogando diretamente com a diretoria-executiva da Eletrobras, o comando da empresa fez chegar ao Planalto a indicação de que está aberto a fazer alterações na governança da companhia.

No processo de privatização, a União, que atualmente detém quase 40% das ações, passou a ter direito a voto em decisões relevantes da empresa com base em apenas 10% de sua participação. Essa restrição levou a Advocacia-Geral da União (AGU) a entrar com uma ação de inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal (STF), solicitando que a União possa ter um assento no conselho a cada 10% das ações.

Segundo interlocutores presentes em uma reunião com representantes do governo, o conselho de administração da Eletrobras agora propõe que o governo tenha dois assentos, ocupados por Marisete Pereira, ex-secretária executiva do Ministério de Minas e Energia, e Marcelo Siqueira, procurador da AGU. Marisete já faz parte do conselho atualmente, enquanto Siqueira aguarda a liberação pela AGU para integrar a vice-presidência jurídica.

Publicidade

No entanto, o governo deseja ter pelo menos quatro assentos e mostra-se relutante em aceitar ambos os nomes propostos para o conselho. Na visão do Planalto, Marisete Pereira foi uma das mentoras da privatização ao lado de Wilson Ferreira Junior, atual presidente da Eletrobras. Por sua vez, Marcelo Siqueira atuou como assessor especial no Ministério da Fazenda, responsável por estruturar o projeto.

Apesar da disposição da diretoria-executiva da Eletrobras em promover mudanças na governança da empresa, o diálogo direto com o governo está limitado. A negociação dos assentos no conselho representa um ponto de atrito entre as partes, com o governo buscando uma maior representatividade em órgãos de decisão da companhia.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado