Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Declarações de Imposto de Renda são retidas em malha fiscal

Declarações de imposto de renda retidas na malha fiscal em 2023.
Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Receita Federal revelou que, no período entre março e setembro de 2023, um total de 1.366.778 declarações de Imposto de Renda foram retidas em malha fiscal. Esse número representa aproximadamente 3,1% do total de declarações recebidas pela Receita Federal referentes ao Imposto de Renda do ano-base 2022, que somaram 43.481.995 declarações no IR2023.

Principais motivos para a retenção na malha fina

De acordo com a Receita Federal, os principais motivos para a retenção em malha fiscal em 2023 foram:

  • Deduções (58,1%): com as despesas médicas sendo o principal motivo de retenção, correspondendo a 42,3% do total de motivos para retenção.
  • Omissão de rendimentos (27,6%): principalmente de titulares e dependentes declarados.
  • Divergências nos valores do IR retido na fonte (10%): entre o que foi informado na Dirf (Declaração do Imposto Retido na Fonte) e o que foi declarado pelas pessoas físicas na declaração tradicional.
  • Outros motivos (4,3%): incluindo deduções do Imposto devido, recebimento de rendimentos acumulados e divergências entre os valores declarados de carnê-leão e imposto complementar e os valores efetivamente recolhidos.

A Receita Federal também compartilhou informações sobre o resultado das declarações retidas em malha em relação aos impostos a pagar ou a restituir:

Publicidade
  • 954.814 declarações retidas tinham imposto a restituir, o que corresponde a 70% do total de declarações retidas.
  • 386.102 declarações retidas tinham imposto a pagar, representando 28% do total de declarações retidas.
  • 25.962 declarações retidas não tinham valor a restituir nem a pagar, o que equivale a 2% do total.

Como saber se caiu na malha fiscal

Você pode saber se sua declaração está retida na malha fiscal por meio do e-CAC (clique aqui). Depois, siga o seguinte percurso:

  • Ao fazer o login, selecione a opção “Meu Imposto de Renda (Extrato da DIRPF)”;
  • Na aba “Processamento”, escolha o item “Pendências de Malha”;
  • Lá, você poderá verificar se sua declaração está na malha fina e verificar qual o motivo pelo qual ela foi retida.

Como regularizar a situação

Em primeiro lugar, se sua declaração de Imposto de Renda caiu na malha fiscal devido a algum erro no preenchimento ou à omissão de informações, você tem a opção de retificá-la, desde que ainda não tenha recebido um termo de intimação.  Sendo assim, a retificação é a melhor forma de corrigir equívocos em sua declaração. Dessa forma, você consegue garantir suas obrigações fiscais de maneira correta e evita futuros problemas com o fisco. Se você identificou algum erro ou omissão em sua declaração, acesse o sistema de declaração retificadora.

Porém, se você receber um termo de intimação será necessário seguir as instruções contidas no termo e fornecer os documentos solicitados dentro do prazo estipulado. Por fim, é essencial manter a transparência e a regularidade de suas informações fiscais para evitar problemas futuros com o fisco. Dessa forma, a regularização de sua declaração de Imposto de Renda é fundamental para manter sua situação fiscal em conformidade com a legislação vigente. Portanto, esteja atento e tome as medidas necessárias para corrigir eventuais equívocos em sua declaração.

 

 

 

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado