Produção agropecuária no Brasil: queda projetada para 2024

Foto: Jannis Knorr/Pexels

Queda na produção agropecuária brasileira 2024 é uma realidade iminente. A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) divulgou estimativas apontando uma redução de 2,1% no valor bruto da produção agropecuária, alcançando R$ 1,217 trilhão em 2024. Este declínio reflete as incertezas geradas pelo fenômeno climático El Niño e desafios no comércio exterior.

Em um evento em Brasília, a CNA apresentou um balanço do setor em 2023 e as perspectivas para o próximo ano. Apesar de uma produção recorde de grãos na safra 2022/23, os custos de produção elevados e a queda no preço das commodities comprometeram a receita dos produtores neste ano.

Para o segmento agrícola, as projeções apontam um valor bruto da produção 3,4% abaixo do nível verificado em 2023. Especificamente, a margem bruta da soja teve uma queda expressiva de 68% em comparação com a safra anterior. O milho, tanto na primeira quanto na segunda safra, enfrentou quedas ainda maiores.

A situação não é diferente na pecuária. Embora um crescimento de 0,8% seja esperado, principalmente devido à reação dos preços da arroba do boi, na pecuária de leite, a margem de lucro dos produtores diminuiu em 67,4% em outubro de 2023, em relação ao mesmo período do ano anterior.

Diante das incertezas crescentes para 2024, a CNA enfatiza a necessidade de maior volume de recursos para o seguro rural, atualmente em pouco mais de R$ 1 bilhão. Segundo a entidade, seriam necessários R$ 3 bilhões para cobrir uma área de aproximadamente 14 milhões de hectares contra o risco de quebra de safra.

No âmbito do comércio exterior, 2023 registrou previsão de recorde nas exportações do agronegócio brasileiro, com expectativa de embarques de até US$ 164 bilhões. Para 2024, o cenário é descrito como “desafiador”, especialmente devido às tensões no Mercosul e à nova Lei Antidesmatamento da União Europeia, que pode impor barreiras comerciais sobre produtos agropecuários brasileiros.

Este panorama projeta um 2024 de desafios para o agronegócio brasileiro, com a necessidade de adaptação às mudanças climáticas e ao dinamismo do mercado internacional.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado