Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Lula anuncia auxílio de R$ 5,1 mil para famílias no Rio Grande do Sul

auxílio Rio Grande do Sul
(Foto: Secom/Gov RS).

Durante visita ao Rio Grande do Sul, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva revelou a implementação do “Auxílio Reconstrução”. Este benefício financeiro, no valor de R$ 5,1 mil, visa auxiliar aproximadamente 240 mil famílias atingidas pela recente catástrofe climática no estado. A iniciativa pretende facilitar a aquisição de novos equipamentos e bens que foram perdidos durante as enchentes.

Segundo o governo, a medida tem um potencial de impacto econômico que pode alcançar até R$ 1,2 bilhão. O pagamento será feito em uma parcela única destinada a um membro por família. O presidente destacou a importância de rapidamente oferecer suporte às famílias para que possam iniciar o processo de reconstrução de suas vidas.

 

conteúdo patrocinado

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, complementou o anúncio e informou que o governo federal restaurará totalmente todas as moradias afetadas pelas inundações. Estas moradias estão enquadradas nas faixas 1 e 2 do programa Minha Casa, Minha Vida. Além disso, o governo facilitará a compra de imóveis usados. Também facilitará a aquisição de móveis através de leilões da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.

Utilização do FGTS

Outras ações incluem a suspensão temporária das parcelas de financiamento habitacional pelo FGTS e pelo Minha Casa, Minha Vida por seis meses, com a extensão do período para uso do FGTS em atrasos de pagamento de 6 para 12 meses. O governo também anunciou a introdução de uma carência de 180 dias para novos contratos.

Além do auxílio, o governo apresentou medidas para aumentar o suporte financeiro à população afetada no Rio Grande do Sul. O governo permitirá saques de até R$ 6.220 do FGTS em situações de calamidade, antecipará o pagamento do Bolsa Família e incluirá 21 mil novas famílias no programa no estado. A antecipação do pagamento do abono salarial 2024 e a liberação de duas parcelas adicionais do seguro-desemprego para desempregados já beneficiados também fazem parte das ações emergenciais.

Paulo Pimenta, ministro da Secretaria de Comunicação Social, por conseguinte, assumirá um ministério extraordinário para monitorar a implementação dessas iniciativas no estado.

O presidente Lula encerrou seu discurso enfatizando a importância da solidariedade e da ação voluntária demonstrada pelo povo brasileiro, contrastando-a com a inação observada em governos anteriores. Além disso, ele expressou gratidão aos comandantes militares presentes, que têm desempenhado um papel fundamental na resposta à crise.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado