Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Dólar fecha estável em R$5,105 com Fed no radar

Moeda americana varia 0,05% em dia de cautela

Dólar
Dólar, a moeda do Estados Unidos da América (Imagem: Valter Campanato/Agência Brasil)

O dólar comercial fechou próximo à estabilidade nesta segunda-feira (20), encerrando cotado a R$5,105, uma pequena variação positiva de 0,05%. Assim, a moeda americana alcançou R$ 5,129 na máxima do pregão. No início do dia, o dólar operou em alta, mas perdeu força com os investidores aguardando mais informações sobre a trajetória da taxa de juros nos Estados Unidos, especialmente com os comentários cautelosos de integrantes do Federal Reserve (Fed).

O mercado espera a divulgação da ata da última reunião de política monetária do Fed, que será publicada na quarta-feira. Portanto, ata deve fornecer mais pistas sobre a direção dos juros nos EUA. Hoje, o presidente do Fed de Atlanta, Raphael Bostic, afirmou que levará algum tempo até que o banco central dos EUA esteja confiante de que a inflação está no caminho certo para voltar à meta de 2%. Além de Bostic, outros dois membros do Fed devem se pronunciar ainda hoje.

Cotação do dólar no Brasil

O dólar à vista fechou em queda de 0,05%, a R$5,105 tanto na compra quanto na venda. Na B3, o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento estava praticamente estável, com uma pequena variação positiva de 0,01%, equivalente a 5.108 pontos, por volta das 17h10.

Publicidade

Cotações

  • Dólar comercial
    • Compra: R$5,104
    • Venda: R$5,105

 

  • Dólar turismo
    • Compra: R$5,139
    • Venda: R$5,319
Economistas elevam projeções da Selic

No cenário nacional, economistas consultados pelo Banco Central na pesquisa Focus elevaram as projeções para a taxa Selic. Divulgarão os dados semanais da balança comercial às 15h. Nos próximos dias, o mercado aguarda os dados de transações correntes e de Investimento Direto no País (IDP), programados para sexta-feira. Além disso, espera-se a divulgação dos dados da arrecadação federal de abril, cuja data ainda não foi definida.

No Congresso, pode ocorrer esta semana a votação do projeto sobre a desoneração da folha de pagamentos de 17 setores da economia e de municípios, após acordo fechado entre Legislativo e Executivo. Sendo assim, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou que a equipe econômica apresentará nesta semana as estimativas de impacto e as medidas compensatórias referentes à manutenção da desoneração da folha dos 17 setores e dos municípios neste ano.

Leia mais:

 

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado