Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Em primeira queda do ano, IGP-DI desacelera em julho e atinge 0,38% no mês

Recentemente, foram apresentados os dados referentes ao 2º trimestre de 2021. O Banco do Nordeste garante a liderança no ranking, com avaliação de 4,92 (o valor máximo possível é 5). (Foto de Anna Nekrashevich no Pexels)
(Imagem ilustrativa)

De acordo com dados do FGV IBRE, divulgados nesta sexta-feira (5), a inflação medida pelo Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) caiu 0,38% em julho. Esta é a primeira queda mensal da medida de inflação desde 2021.

O que indica uma desaceleração após variação de 0,62% no mês de junho. Segundo a FGV, o indicador agora acumula alta de 7,44% em 2022, e de 9,13% nos últimos 12 meses. No mesmo período em julho de 2021, a inflação havia subido 1,45% e acumulava elevação de 33,35% em 12 meses.

Segundo explicação de André Braz, Coordenador dos Índices de Preços, a desaceleração pode ser percebida pelos preços das commodities, no caso dos preços ao produtor, que fechou em queda de 0,32% no mês. Enquanto do lado do consumidor, os preços dos combustíveis e energia foram os que mais pesaram na queda do indicador.

conteúdo patrocinado

 

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado