Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Amil negocia com Golden Cross compartilhamento de riscos

Amil e Dasa avaliam fusão de redes hospitalares
(Foto: Divulgação/Amil).

A Amil está em negociação avançada com a Golden Cross para um acordo de compartilhamento de riscos que poderia mudar o mercado de saúde. Se concretizada, a operação da Golden Cross seria assumida pela Amil, permitindo que a rede da Golden esteja acessível aos usuários da Amil. Além disso, toda a gestão de faturamento, regulação e atendimento seria transferida para a Amil, recentemente adquirida por José Seripieri Filho.

Impacto para os Usuários

No contexto dessas discussões, um fato relacionado ocorreu no dia 30/04, afetando os beneficiários da Qualicorp. A Amil informou por meio de um comunicado que os contratos com os clientes da operadora seriam finalizados em 30 dias, cessando a cobertura a partir do próximo mês de junho. O anúncio surpreendeu muitos usuários, especialmente os que estão em tratamento contínuo, como um grande número de autistas que dependem do plano.

Regulação e Desafios Legais

De acordo com a legislação da ANS, a notificação de cancelamento de um plano de saúde deve ser feita com pelo menos 30 dias de antecedência. Embora a rescisão unilateral do contrato pela Amil esteja dentro dos parâmetros legais, ela enfrenta críticas por potencial abuso. O Superior Tribunal de Justiça (STJ), através do tema 1082, estipula que os planos de saúde não podem cancelar a cobertura de pacientes em tratamento, o que coloca em questão a legalidade das ações da Amil.

conteúdo patrocinado

Esperando Aprovação

Caso o acordo entre Amil e Golden Cross prossiga, será necessário obter a aprovação da Agência Nacional de Saúde (ANS). A decisão não apenas redefine as operações de ambas as empresas, mas também tem implicações para a continuidade do atendimento aos usuários. A análise do caso e possível aprovação pela ANS será importante para garantir que todos os termos contratuais sejam mantidos, conforme prometido pela Amil.

Leia Também:

Quem é José Seripieri Filho; o novo dono da Amil por R$ 11 Bi

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado