Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Escolas de negócios libera curso gratuito sobre liderança corporativa

Uma das principais escolas de negócios do país, a Conquer, liberou desde dia 10 o acesso gratuito ao seu novo curso exclusivo de Liderança. Destaque para sua grade de professores: Edu Lyra, Cris Arcangeli, Alexandra Loras, Lisiane Lemos e o pentacampeão mundial de futebol e ex-lateral da Seleção, Cafu.

A escolha do nome se justifica. O curso é contextualizado no futebol, tendo suas principais valências – ataque e defesa, trabalho em grupo, estratégia e marcação, entre outros temas – correlacionadas com o mundo corporativo. Um dos diferenciais do curso é seu foco nas habilidades do líder que são necessárias na nova economia.

Durante o período de liberação gratuita, os inscritos poderão, até mesmo, emitir certificados para incluir no currículo. O acesso gratuito segue até 6 de novembro, às vésperas do Mundial no Catar, previsto para começar no dia 20 do mesmo mês. O valor normal do curso é de R$ 1.788.

Publicidade

Ao receber acesso à plataforma, o primeiro passo do aluno será responder a um diagnóstico de desenvolvimento. O resultado dessa avaliação vai mostrar quais são as principais habilidades e as soft skills que ele precisa aperfeiçoar para acelerar sua carreira, além de apresentar uma trilha de aprendizagem com os cursos que deve priorizar. Mas, independentemente da trilha sugerida, os inscritos poderão buscar outras modalidades e temas, livremente.

“Estamos sempre preocupados em impactar a vida das pessoas e é assim que pretendemos mudar a educação do Brasil, por isso trazemos de forma recorrente liberações gratuitas de cursos de alto nível, com grandes profissionais do mercado e com uma metodologia de ensino que é aplicável na rotina do mercado de trabalho”, explica o cofundador da Conquer, Josef Rubin.

Somente neste ano, a plataforma Conquer Plus emitiu mais de 150 mil certificados de conclusão de cursos. Os alunos avaliaram os conteúdos dos cursos ministrados e 97% atribuíram nota máxima. “Isso nos dá uma enorme satisfação e um desejo de disponibilizar para mais brasileiros o acesso à educação continuada”, finaliza Rubin.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado