Pesquisar
Close this search box.

Senacon lança canal de denúncias contra preços abusivos de combustíveis

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) apresentou um novo canal de denúncias específico para combater a cobrança de preços abusivos nos postos de combustíveis. Os consumidores agora têm a opção de registrar reclamações por meio de um formulário online, que já está disponível.

Essa iniciativa é mais um passo para tentar garantir o cumprimento da decisão da Petrobras, que reduziu os preços dos combustíveis vendidos às distribuidoras. A queda foi de R$ 0,44 por litro no preço médio do diesel, que passou de R$ 3,46 para R$ 3,02, e de R$ 0,40 por litro na gasolina, que foi de R$ 3,18 para R$ 2,78.

Apesar disso, consumidores de diversas regiões do país relataram que as reduções de preço não foram repassadas e, em alguns casos, os preços até aumentaram para depois retornar ao valor anterior, numa tentativa de fraudar a redução.

Para verificar se os postos de combustíveis estão repassando corretamente as variações de preço aos consumidores finais e se estão cumprindo as normas e regulamentos em vigor, a Senacon irá coordenar o Mutirão do Preço Justo na próxima quarta-feira (24), em todo o Brasil.

Com o apoio dos Procons, será realizado um monitoramento dos preços dos combustíveis em cidades de todo o país, enviando à Senacon os valores máximos e mínimos encontrados nos estabelecimentos. Um relatório com os dados será divulgado ao público em 30 de maio.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado