Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Títulos federais sustentáveis: Brasil se prepara para lançamento internacional

A nova modalidade é um investimento de renda fixa, em que o investidor compra títulos públicos federais e tem, entre as muitas vantagens, liquidez diária, ou seja, os clientes têm acesso aos recursos sempre que precisar.  

O governo brasileiro está se preparando para lançar, a partir de setembro, títulos federais sustentáveis vinculados a projetos sustentáveis no mercado internacional. Nessa iniciativa, os investidores estrangeiros receberão os rendimentos provenientes desses projetos, além dos juros financeiros. Essa importante medida foi revelada por Rogério Ceron, secretário do Tesouro Nacional, após a primeira reunião do Comitê de Finanças Sustentáveis Soberanas, presidido por ele.

O objetivo desse comitê é elaborar as regras para as emissões dos títulos sustentáveis, que serão emitidos pelo Tesouro Nacional e lastreados em recursos do Orçamento Geral da União destinados ao desenvolvimento sustentável, incluindo ações e projetos ambientais e sociais.

Durante a reunião, Ceron mencionou que a data exata para o lançamento dos títulos dependerá da melhor oportunidade no mercado, entre os meses de setembro, outubro e novembro. O Tesouro Nacional busca uma janela estratégica para realizar as emissões, visando atrair um maior número de investidores interessados em projetos sustentáveis.

Publicidade

Além das emissões, o comitê terá a responsabilidade de elaborar um marco legal que apresentará aos investidores os compromissos do Brasil na agenda ambiental, social, de governança e de finanças. Também serão estabelecidas as diretrizes e critérios adotados pelo governo para lançar os títulos no mercado internacional.

Ceron informou que uma minuta já está em discussão e passará por aprimoramentos e sugestões com base nas contribuições dos demais ministérios. Está prevista uma nova reunião em julho para consolidar essas contribuições. Após a conclusão do arcabouço legal, será realizada uma avaliação independente para garantir sua adequação. Em seguida, o governo estará pronto para iniciar o road show, apresentando os títulos aos investidores estrangeiros.

O secretário ressaltou que esses títulos representarão um passo importante para o Brasil concretizar sua agenda de governança ambiental e social (ESG). Há um grande interesse por parte dos investidores estrangeiros nessa agenda, e a reunião do comitê foi mais um avanço nesse sentido, afirmou Ceron.

Com o lançamento dos títulos federais sustentáveis no mercado internacional, o Brasil reforça seu compromisso com o desenvolvimento sustentável, atraindo investimentos e promovendo ações que contribuem para a preservação do meio ambiente e o progresso social. Espera-se que essa iniciativa atraia investidores conscientes e fortaleça a imagem do país como um protagonista na agenda global de sustentabilidade.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado