Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Inflação do Japão bate meta do BC

Foto de Christiano Sinisterra/Pexels

A inflação no Japão permaneceu inalterado em agosto, mantendo-se acima da marca de 2% estabelecida pelo banco central pelo 17º mês consecutivo, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira(22). Isso sinaliza um aumento contínuo na pressão dos preços, o que poderia reforçar os argumentos em favor de uma eventual revisão da política monetária ultraexpansionista.

Essas informações surgem momentos antes do encerramento da reunião de política monetária do Banco do Japão, que optou por manter as taxas de juros ultrabaixas e reafirmar o compromisso de apoiar a economia até que a inflação alcance consistentemente a meta de 2%.

O índice nacional de preços ao consumidor, excluindo itens voláteis como alimentos frescos, mas incluindo custos com combustíveis, aumentou 3,1% em agosto em relação ao ano anterior, superando as expectativas do mercado de um aumento de 3,0%. No mês anterior, o índice já havia registrado um avanço de 3,1%.

Publicidade

Apesar dos subsídios do governo que reduziram as despesas com serviços públicos, os preços continuaram a subir em várias categorias de alimentos e produtos de consumo diário, sugerindo que a estabilidade da inflação está se consolidando na terceira maior economia do mundo.

Os preços dos serviços registraram um aumento de 2,5% em agosto em relação ao ano anterior, após um aumento de 2,4% em julho, indicando que o aumento dos salários pode gerar pressões mais amplas sobre os preços na terceira maior economia global.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado