Pesquisar
Close this search box.

ONU divulga panorama global de desemprego pós pandemia

desemprego global
(Foto: Pexels/Anamul Rezwan).

O relatório “Perspectivas Sociais e de Emprego no Mundo: Tendências para 2024”, divulgado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), oferece uma análise detalhada do mercado de trabalho global no contexto pós-pandêmico. Com uma redução da taxa de desemprego para 5,1% em 2023, o relatório fornece uma visão otimista, mas cautelosa, sobre a recuperação do mercado de trabalho. Apesar disso, alerta para desafios significativos que persistem.

Aumento da desigualdade de renda e impactos

De acordo com o relatório da OIT, agência das Nações Unidas, o aumento da desigualdade de renda é um fator crítico que ameaça a recuperação econômica. Gilbert F. Houngbo, diretor-geral da OIT, enfatiza a importância da justiça social para alcançar uma recuperação econômica sustentável. A erosão da renda real, exacerbada pela inflação, tem impactado negativamente a demanda global, o que pode atrasar a recuperação econômica.

Desafios persistentes no mercado

O relatório prevê um aumento no desemprego global em 2024, destacando preocupações com o crescimento das desigualdades e a estagnação da produtividade. Nesse sentido, a OIT enfatiza a necessidade de abordagens rápidas e eficazes para enfrentar esses desafios, que ameaçam tanto os indivíduos quanto as empresas.

Impacto da Inflação e Aumento da Pobreza

A inflação emergente como um desafio significativo, afeta diretamente os padrões de vida. A diminuição das rendas disponíveis, especialmente nos países do G20, e o aumento da pobreza extrema e moderada em 2023 são indicativos de uma recuperação econômica ainda frágil.

Disparidades regionais e de gênero

O relatório evidencia disparidades regionais e de gênero significativas. Enquanto países de alta renda mostram melhor recuperação, os de baixa renda enfrentam maiores desafios no mercado de trabalho. A participação feminina no mercado de trabalho tem melhorado, mas ainda há uma lacuna de gênero, particularmente nos países em desenvolvimento.

Desafios para a juventude

As taxas elevadas de desemprego entre os jovens e o número crescente de jovens definidos como NEET são preocupantes. Especialmente entre as mulheres jovens, essas taxas apontam para desafios significativos nas perspectivas de emprego a longo prazo.

A missão da OIT

Fundada em 1919, a OIT tem como missão promover oportunidades de trabalho. O relatório reafirma a importância do trabalho da OIT em um cenário global desafiador, onde o trabalho decente se apresenta como uma solução fundamental para superar a pobreza, reduzir as desigualdades sociais, garantir a governabilidade democrática e fomentar o desenvolvimento sustentável.

Este relatório da OIT oferece insights essenciais para entender as tendências atuais e futuras do mercado de trabalho global. Ele destaca a necessidade de políticas e ações coordenadas para enfrentar as desigualdades e promover uma recuperação econômica inclusiva e sustentável.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado