Crise no agronegócio: Ministério da Fazenda avalia demandas

Foto: Agência Brasil

O Ministério da Fazenda está empenhado em entender a atual crise enfrentada pelo setor do agronegócio, principalmente devido às adversidades climáticas. Guilherme Mello, o secretário de Política Econômica, revelou que embora o setor tenha apresentado solicitações, como acesso ao crédito e renegociação de débitos, ainda não adotou decisões concretas sobre as medidas a serem tomadas.

O ministro [da Agricultura, Carlos] Fávaro se reuniu conosco recentemente, e estamos avaliando a situação, identificando os principais desafios. Estamos nesse momento de elaboração do diagnóstico e da análise da situação“, explicou Mello. “Essa é uma tarefa constante, pois cada segmento possui suas particularidades, e o agronegócio, em particular, é mais suscetível às mudanças climáticas.”

O setor produtivo do agronegócio está solicitando a prorrogação dos financiamentos de investimento com vencimento previsto para este ano, estendendo o prazo até o último ano do contrato e mantendo as taxas de juros inalteradas. Além disso, busca a renegociação dos financiamentos de custeio, a antecipação das operações de pré-custeio e a liberação de recursos para capital de giro, como medidas cruciais para enfrentar a atual crise.

O setor agrícola aguarda com expectativa a avaliação do Ministério da Fazenda. Já que busca soluções para superar os desafios decorrentes das condições climáticas adversas e das pressões financeiras enfrentadas pelos produtores rurais. Ainda não há uma data definida para o anúncio das medidas, mas as autoridades estão comprometidas em encontrar respostas adequadas para apoiar o agronegócio brasileiro.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado