Pesquisar
Close this search box.

Lucro da Oncoclínicas no 4T23 foi de R$ 87 milhões

Oncoclinicas
(Imagem: divulgação/Oncoclinicas)

O balanço do quarto trimestre de 2023 da Oncoclínicas (ONCO3), rede de tratamentos médicos dedicados ao câncer, foi divulgado nesta quarta-feira (27). De acordo com o relatório, o lucro líquido registrou uma queda de 10,3%, atingindo R$ 87 milhões no período mencionado. No entanto, no acumulado do ano, a empresa apresentou um lucro líquido de R$ 312,6 milhões. Um aumento de 174,7% em relação a 2022.

A empresa atribui esse desempenho ao projeto de racionalização da estrutura societária iniciado há cerca de dois anos, que resultou em um avanço no endereçamento do nível de participação minoritária no lucro líquido, conforme destacado no relatório de resultados.

Com ajustes realizados para excluir o efeito não caixa da contabilização do plano de incentivo de longo prazo (PILP), o lucro líquido da empresa atingiu R$ 98,7 milhões no 4T23, ou seja, um aumento nominal de R$ 13,8 milhões em comparação com o mesmo período de 2022.

O EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) registrou um aumento de 5,6%, totalizando R$ 247,9 milhões no 4T23, em comparação com o mesmo período do ano anterior. No acumulado do ano, o EBITDA alcançou R$ 1 bilhão, refletindo um aumento de 58,9% em relação a 2022.

As despesas operacionais caixa, excluindo itens como depreciação, amortização e a apuração do valor justo do plano de incentivo de longo prazo, totalizaram R$ 240,1 milhões no 4T23, representando 16,7% da receita líquida. O valor é menor do que os R$ 229,3 milhões registrados no mesmo período de 2022, indicando uma redução de 210 bps em um ano.

Crescimento

O aumento no volume de pacientes atendidos impulsionou o crescimento da Oncoclínicas, que registrou um aumento de 26,8% em comparação com 2022. Portanto, resultou em uma receita bruta de R$ 6 bilhões em 2023. No 4T23, a receita bruta alcançou R$ 1,6 milhão. Um aumento de 18,7% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Atualmente, a empresa está presente em 38 cidades brasileiras, por meio de 138 unidades. Então, é um crescimento em comparação com 2021, quando contava com apenas 69 unidades. Bruno Ferrari, fundador e CEO da Oncoclínicas, ressaltou o compromisso da empresa com a excelência médica, tecnologia e eficiência, visando sempre o bem-estar dos pacientes, médicos e parceiros.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado