Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Parceria ApexBrasil e ABSOLAR visa atrair investimentos

(Foto: Divulgação)

Na semana passada, um passo foi dado para a transição energética no Brasil, marcado pela assinatura de uma parceria entre a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) e a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR). Este acordo tem o objetivo claro de atrair investimentos estrangeiros, com foco principal em energias renováveis, especificamente na energia solar fotovoltaica, no armazenamento por baterias e no desenvolvimento do hidrogênio verde.

Detalhamento da Parceria

O cerne desta colaboração reside na busca ativa por ampliar os acordos internacionais, envolvendo grandes empresas do setor de energias renováveis e representantes de governos. O intuito é trazer recursos externos para contribuir com o novo ciclo da industrialização brasileira, especialmente melhorando a cadeia produtiva nas áreas de energias renováveis e suas tecnologias. A parceria destaca-se por seu compromisso com a aceleração da pesquisa, inovação, e sustentabilidade, tanto econômica quanto social e ambiental.

Objetivos e Expectativas

Dentro dos objetivos almejados, está a captação de recursos provenientes de missões do Conselho Nacional de Desenvolvimento Industrial (CNDI), vinculadas ao plano Nova Indústria Brasil (NIB), e as diretrizes do novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) nas áreas de transição e segurança energética. Essas iniciativas são fundamentais para garantir uma descarbonização efetiva e uma transição energética segura para as novas gerações, posicionando o Brasil como um player de destaque no cenário global de energias renováveis.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

A parceria entre a ApexBrasil e a ABSOLAR representa uma importante estratégia para atrair de investimentos em energia solar, hidrogênio verde, e armazenamento de baterias, reforçando o compromisso do país com a transição energética e a sustentabilidade. Com este acordo, espera-se uma ampla mobilização de recursos internacionais, promovendo não apenas o avanço tecnológico e a inovação, mas também contribuindo para a economia verde e a descarbonização do setor energético brasileiro.

Leia Também:

Rodrigo Mello comemora recordes de energia solar no Brasil

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado