Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Presidente do Banco do Brasil poderá ter remuneração mensal de R$ 242 mil

A presidente do BB poderá alcançar remuneração mensal de R$ 242.470, incluindo conselhos. (Divulgação/Fernando Santos/BB)

O Banco do Brasil, em uma recente proposta de seu comitê de remuneração, colocou em pauta de votação os aumentos salariais para seus executivos superiores, incluindo sua presidente, Tarciana Medeiros.

Atualmente, a presidente do BB recebe um salário mensal de R$ 74.972. Com a nova proposta, esse valor subiria para R$ 117.470, um acréscimo de 57%. Adicionalmente, ela participa de conselhos de grandes corporações como Votorantim, Brasilprev, e Elopar, que juntos adicionam R$ 125 mil ao seu salário mensal.

Tarciana Medeiros recebe R$ 50 mil por participar do conselho do Votorantim, R$ 35 mil da Brasilprev e R$ 40 mil da Elopar. Com o reajuste aprovado, sua remuneração totalizaria R$ 242.470 mensais.

conteúdo patrocinado

Decisão Final

A Assembleia Geral de Acionistas do Banco do Brasil, que ocorrerá na próxima sexta-feira (26), teria poder de vetar a aprovação do aumento salarial.

Tarciana faz parte do conselho de administração, mas regras estatutárias a impedem de votar em assuntos relacionados ao seu próprio reajuste salarial.

Impacto Orçamentário

A proposta, se aprovada, aumentará o custo anual com salários para o BB em R$ 94,4 milhões. O vice-presidente veria seu salário subir de R$ 67.105 para R$ 90.188, e os diretores de R$ 56.873 para R$ 69.242.

Comparação com o Mercado

A remuneração do presidente da Petrobras é de R$ 127 mil mensais, enquanto o presidente da Caixa Econômica Federal ganha R$ 56 mil.

Estrutura de Remuneração Variável

Conforme publicado pela colunista Andreza Matais do UOL, sob a presidência de Tarciana, o Banco do Brasil já alterou sua política de remuneração variável, aumentando o número de pagamentos baseados em desempenho de 12 para 13 por ano, o que reflete diretamente nos ganhos anuais dos executivos.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado