Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Digitalização na construção civil é essencial para produtividade

Transformação digital na construção civil e industrial

Consultor Edson Borges, CEO da Focus Estratégia (Foto: Arquivo Pessoal).

A digitalização no canteiro de obras é uma tendência inevitável pelos indiscutíveis ganhos de eficiência e produtividade que agrega à construção civil. No entanto, a inovação tecnológica avança lentamente nessa indústria. Quando houve a virada do século, apontando para uma nova revolução tecnológica no mundo, esperava-se uma resposta mais rápida das construtoras em termos de modernização. Isso vem acontecendo nas grandes empresas, mas ainda é uma realidade distante na maioria das médias e pequenas construtoras.

Produtividade e Competitividade

Há décadas, o Brasil enfrenta graves problemas de produtividade. A baixa escolaridade da população, a defasagem do parque industrial – com máquinas e equipamentos com idade média de 14 anos – e a incipiente digitalização são fatores que prejudicam a produtividade e, consequentemente, a competitividade do país.

Mudança Cultural e Resistência

A digitalização significa uma forte mudança cultural nas empresas, do topo da cadeia de comando até o chão de fábrica, e ainda enfrenta bastante resistência. Muitas vezes, isso ocorre por desconhecimento das ferramentas da Indústria 4.0 e suas vantagens, ou por acreditarem que seus custos não compensam o investimento. Porém, essa resistência é um equívoco que precisa ser superado.

Publicidade

Complexidade das Obras

Já entrando na terceira década deste século, não há sombra de dúvida de que as obras estão se tornando muito mais complexas. São diversos os motivos, como as exigências de responsabilidade ambiental, mudanças climáticas que afetam materiais, projetos e condições de trabalho, consumidores mais conscientes dos seus direitos, e o aumento dos preços dos insumos.

Inovação Tecnológica

Os aparelhos digitais contribuem significativamente para enfrentar esses desafios. O uso de smartphones, notebooks, tablets, drones e outras soluções permite organizar e transmitir informações referentes às obras de maneira prática e em qualquer lugar, tornando o trabalho menos burocrático e mais rápido.

Pandemia e Resiliência

A pandemia da Covid-19 também impulsionou a digitalização na construção civil. Para enfrentar as restrições impostas pela pandemia, as empresas buscaram soluções digitais, tornando-se menos sujeitas aos sobressaltos da economia e mais resilientes a eventos imprevistos.

Sistemas de Gestão Digitalizados

O fluxo de informações é crucial para que as obras transcorram conforme seu planejamento, evitando falhas que abalam prazos e resultados. Um sistema de gestão digitalizado substitui as antigas planilhas e pilhas de papéis, agilizando a transmissão de dados e sincronizando todos os setores, da administração ao local de produção. Quando ocorrem novidades importantes, como alterações de projeto ou troca de materiais, esses dados são lançados no sistema pelo setor responsável e imediatamente replicados para as demais áreas.

“Investir na digitalização é essencial para que a construção civil e a indústria possam se manter competitivas e eficientes. As tecnologias digitais não são apenas uma tendência, mas uma necessidade para garantir a segurança e a produtividade das operações. É um caminho sem volta para quem quer se destacar no mercado,” afirma o consultor Edson Borges (foto), CEO da Focus Estratégia.

Benefícios da Digitalização

Com sistemas digitalizados, as informações são compartilhadas com agilidade, sem erros ou distorções, permitindo tomadas de decisão mais seguras. O controle de entrada e saída de materiais se torna mais eficiente, automatizado e com alertas para os gestores sobre quantias, tipos, datas de compra e entrega, garantindo que o trabalho ocorra sem imprevistos.

Segurança e Produtividade

Os dados e informações coletados e processados digitalmente fornecem alertas e insights automáticos para melhoria de segurança, bem-estar e produtividade das atividades da empresa. Os sistemas também detectam e minimizam riscos iminentes à segurança dos trabalhadores. Em caso de sinistros, é possível acionar apoio e socorro imediatamente e evacuar áreas conforme necessário.

Desafios Futuros

Com a perspectiva de grandes obras de infraestrutura no Brasil nos próximos anos e investimentos em neoindustrialização, a transformação com a digitalização se coloca como uma necessidade primordial para a construção civil e indústria. A adoção de tecnologias digitais será essencial para garantir uma indústria mais ágil, capaz de entregar obras de qualidade com maior eficiência e redução de custos.

Tecnologia otimiza rastreabilidade e gestão dos processos

A Internet das Coisas (IoT) conecta objetos físicos à internet, permitindo acesso remoto e integração de dados. Na construção civil, a IoT está revolucionando a gestão de edifícios. Sua aplicação vai além da operação, alcançando também as fases de projeto e execução das obras.

A IoT melhora o gerenciamento de materiais e equipamentos. Isso inclui o controle da logística, aumentando a segurança no local de trabalho. Além disso, facilita o monitoramento das obras e o controle de consumo de materiais com etiquetas RFID. Essas tecnologias trazem eficiência e precisão ao setor da construção civil.

Os sensores de temperatura, por exemplo, são utilizados na concretagem de lajes e pilares. Eles permitem um controle mais detalhado do tempo de cura do concreto. Isso assegura a qualidade e durabilidade das construções. A IoT transforma processos tradicionais, tornando as obras mais seguras e eficientes.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado