Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Greystar promete 10 mil novos apartamentos de aluguel em SP

Meta de 10 mil apartamentos até 2029

Prédios de aluguel planejados pela Greystar. (Foto: Divulgação/Greystar)
Prédios de aluguel planejados pela Greystar. (Foto: Divulgação/Greystar)

Recentemente, a empresa norte-americana de real estate Greystar escolheu o Brasil como novo alvo, começando por São Paulo. A meta é construir, no país, 10 mil prédios de aluguel nos próximos cinco anos, segundo Vitor Costa, Country Manager da Greystar Brasil.

O que é a Greystar?

A Greystar é uma empresa imobiliária global que oferece experiência em gestão de propriedades, gestão de investimentos, desenvolvimento e serviços de construção nos setores de habitação para aluguel de qualidade institucional, logística e ciências da vida. Com sede em Charleston, Carolina do Sul, a Greystar gerencia e opera aproximadamente US$ 320 bilhões em imóveis em 249 mercados em todo o mundo, com escritórios na América do Norte, Europa, América do Sul e região da Ásia-Pacífico.

Além disso, a Greystar é uma das maiores operadoras de apartamentos dos Estados Unidos, administra mais de 966.700 unidades/leitos em todo o mundo e tem uma plataforma de gestão de investimentos institucionais composta por US$ 78 bilhões em ativos sob gestão, incluindo mais de US$ 36 bilhões em ativos de desenvolvimento. A gigante foi fundada por Bob Faith em 1993 para se tornar um fornecedor de serviços de classe mundial no setor de imóveis residenciais para aluguel.

Publicidade

Expansão de prédios de aluguel no Brasil

Atualmente, a Greystar desenvolve 3.600 unidades em São Paulo, sendo 2.100 já operacionais. O projeto Ayra, realizado com o fundo de pensão canadense CPPIB, tem investimento de R$ 1,7 bilhão. O primeiro edifício foi inaugurado no ano passado em Pinheiros. O modelo da Greystar abrange desenvolvimento, construção, operação e gestão de aluguel e condomínio. A empresa é conhecida por sua gestão de imóveis e investimentos institucionais.

Leia também:

Concorrência e mercado

O mercado brasileiro de prédios de aluguel, ainda pouco explorado, já conta com concorrentes como Brookfield, JFL Realty e Vila 11. De tal maneira, a Greystar busca se tornar a principal empresa multifamily do país, atendendo diferentes faixas de renda.

Nesse contexto, conceito multifamily, comum nos EUA e Europa, está ganhando espaço no Brasil por valorizar mais a experiência que a posso de propriedades. Dessa forma, os contratos são flexíveis, de três a 12 meses, sem necessidade de fiador ou seguro fiança.

Perspectivas

A Greystar pretende, assim, expandir ainda mais sua operação, buscando outros fundos para focar em renda média e prédios de aluguel no Brasil. A empresa espera, por fim, replicar no Brasil o sucesso obtido em outros mercados, como Chile e Europa.

Leia também:

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado