Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Presidente da Petrobras defende mudanças na política de preços e dividendos em coletiva de imprensa

(Foto: Reprodução/Facebook Jean Paul Prates)

Nessa quinta-feira (02/03), durante uma entrevista coletiva com a imprensa, Jean Paul Prates, atual presidente da Petrobras, abordou a necessidade de alterações na política de preços e dividendos da empresa. Essa declaração ocorreu após a estatal anunciar, na noite anterior, a distribuição de R$ 2,74 de dividendos por ação, bem como informar que o Conselho de Administração sugeriu a criação de uma reserva para reter até R$ 0,49806828 por ação ordinária e preferencial do resultado do exercício social de 2022.

De acordo com o presidente da Petrobras, o mercado é o principal responsável por determinar o preço de mercado, enquanto a empresa se concentra na política comercial. Isso significa que a empresa trabalha para oferecer melhores condições e contratos para os clientes, a fim de atrair mais compradores e melhorar suas margens de lucro. Além disso, Prates destacou que os preços podem variar de acordo com o perfil do cliente, como a capacidade de pagamento e o local de entrega.

“Se o cliente é pior pagador, ela ajeita outras condições. Quem tem mais oferta, se está próximo do cliente. O preço para quem compra mais é menor, pra quem tem pontos de entrega mais acessível é menor, para quem é bom pagador, é menor. É assim hoje”, explicou o presidente.

conteúdo patrocinado

Em resumo, Prates defendeu a ideia de que a Petrobras deve se concentrar em sua política comercial e trabalhar para oferecer melhores condições e contratos para seus clientes, a fim de melhorar seus resultados financeiros.

 

 

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado