Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Veja os 10 principais Estados produtores do Agronegócio no Brasil

Imagem: Freepik

O agronegócio brasileiro está entre os principais pilares econômicos do País. Isso ocorre por conta dos incentivos de grandes corporações, e também pelo desenvolvimento das cidades que se sustentam a partir das atividades rurais, promovendo mais qualidade de vida para seus residentes e trabalhadores.

De acordo com dados do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), o valor bruto da produção agropecuária (VBP) é de cerca de R$ 1,2 trilhão, com mais de 80% do faturamento concentrado no Centro-Oeste, Sul e Sudeste.

Saiba quais são os dez principais Estados produtores do Brasil, divulgadas pelo Ministério da Agricultura.

Publicidade
  • Mato Grosso: R$ 204 bilhões

A liderança fica por conta do Mato Grosso que é responsável por cerca de 17% do VBP agropecuário do Brasil, impulsionada pelo plantio da soja, principal produto agrícola do País. A produção do grão corresponde a mais da metade dos R$ 204 bilhões gerados pela agropecuária estadual, e os cultivos de milho e de algodão também merecem destaque.

  • Paraná: R$ 164 bilhões

No Sul, o Paraná alcança a segunda posição de maior produtor do agro com VBP de R$ 164 bilhões, o que representa quase 50% do resultado da Região. A soja corresponde a um terço desse volume e também é o carro-chefe da produção paranaense. Em seguida, os itens que mais contribuem para o faturamento do agro no Estado são a criação de frangos e as lavouras de milho.

  • São Paulo: R$ 142 bilhões

Em terceiro lugar fica os R$ 142 bilhões gerados por São Paulo representam a metade do VBP do Sudeste. A cana-de-açúcar é o principal produto paulista, com um faturamento de R$ 45 bilhões, mais da metade do faturamento nacional do cultivo. O Estado também concentra dois terços do VBP da laranja no Brasil e tem os bovinos como terceiro produto agrícola mais importante.

  • Minas Gerais: R$ 133 bilhões

O café lidera o quarto lugar no ranking da produção agropecuária em Minas Gerais, especialmente o tipo arábica, que tem um VBP de R$ 30 bilhões. A soja é o segundo item agrícola, seguido de perto pela pecuária de leite. Quando somados, os três principais produtos agropecuários mineiros representam 51% dos R$ 133 bilhões gerados pelo setor no Estado.

  • Rio Grande do Sul: R$ 116 bilhões

A soja ocupa o quinto lugar dos maiores produtores do agro e é responsável por 43% do VBP do Rio Grande do Sul, cerca de R$ 116 bilhões, seguido pela produção de frango. Embora o arroz seja apenas o terceiro produto mais importante no Estado, o faturamento da produção gaúcha representa dois terços da produção nacional do cereal.

  • Goiás: R$ 103 bilhões

O valor bruto da produção agropecuária de Goiás de R$ 103 bilhões tem como principais produtos a soja, os bovinos e o milho, que respondem por 62% do faturamento total. O cultivo de cana-de-açúcar e a produção de frangos também merecem destaque no Estado.

  •  Mato Grosso do Sul: R$ 77 bilhões

Na sétima posição, a soja também reina em Mato Grosso do Sul, responsável por 44% do VBP estadual de R$ 77 bilhões. A criação de bois para abate gera R$ 14 bilhões em negócios e é o segundo item que mais gera faturamento para a agropecuária estadual, seguida pelas lavouras de milho.

  • Bahia: R$ 50,6 bilhões

O agronegócio da Bahia tem um faturamento de R$ 50,6 bilhões, o que representa quase metade da soma dos nove Estados do Nordeste. A soja lidera o ranking da produção baiana, correspondendo a um terço do faturamento, seguido pelo cultivo de algodão e a pecuária de bovinos.

  • Santa Catarina: R$ 50,4 bilhões

A pecuária tem um destaque especial no VBP de R$ 50,4 bilhões de Santa Catarina, ocupando a nona posição. A produção de frangos gera R$ 13,7 bilhões para o Estado, enquanto a criação de suínos soma R$ 9,7 bilhões e a pecuária leiteira alcança R$ 7,5 bilhões. Juntos, os três itens representam 62% do faturamento catarinense no agronegócio.

  • Pará: R$ 28 bilhões

Ocupando a décima posição, o Pará é o principal produtor agropecuário do Norte do País, com um VBP de R$ 28 bilhões. A pecuária bovina corresponde a 37% do volume estadual de negócios, seguida pelo cultivo de soja e a produção de mandioca.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado