Pesquisar
Close this search box.

Nubank alcança 80 milhões de clientes no Brasil e se aproxima do Itaú Unibanco

Imagem: Divulgação/Nubank

A fintech brasileira Nubank celebra a conquista de 80 milhões de clientes no país em julho deste ano, alavancando sua base total para 85 milhões de clientes, quando contabilizadas as operações no México e Colômbia. Com este marco, a empresa solidifica sua posição como uma das principais forças do setor financeiro no país.

Ao início de 2023, a base de clientes no Brasil era de 73,1 milhões, demonstrando um aumento considerável nos últimos seis meses. Segundo o Banco Central (BC), com seus 77 milhões de clientes em junho, a fintech já ocupava a quarta posição entre as maiores instituições financeiras do Brasil.

Liderando o ranking, a Caixa se destaca com 150 milhões de clientes, seguida por Bradesco, com 104 milhões, e Itaú Unibanco, com 99 milhões. A Nubank, que em outubro do ano passado ocupava a quinta posição, ultrapassou o Banco do Brasil, que contabilizava 74 milhões de clientes em junho.

Em comunicado oficial, a Nubank atribui seu sucesso a fatores como a expansão do portfólio de serviços, que agora inclui opções de seguro, empréstimos consignados e até uma carteira de criptomoedas, e seu baixo índice de reclamações no setor bancário.

Em comparação com junho de 2021, quando a base de clientes da Nubank era de 41 milhões, houve mais do que um dobro no aumento de usuários em apenas dois anos. Uma das primeiras fintechs do Brasil, a empresa atualmente é a quarta instituição financeira mais valiosa da América Latina, ultrapassando bancos tradicionais como o Banco do Brasil. Entre seus investidores, constam nomes de peso como Sequoia Capital, Kaszek Ventures, Tiger Global Management e Warren Buffett (Berkshire Hathaway).

Esses números indicam que, apesar da concorrência acirrada, a Nubank continua a dominar o espaço das fintechs na América Latina, oferecendo uma alternativa inovadora e centrada no cliente ao sistema bancário tradicional.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado