Senac Ceará integra programação da Mostra Sesc Cariri de Culturas

Gastronomia SENAC SESC CARIRI
Foto: Anderson Santiago

Com ações nas áreas de Gastronomia, Moda, Turismo, Saúde e Bem-Estar, o Senac Ceará integra, pelo segundo ano consecutivo, a programação da Mostra Sesc Cariri de Culturas. O evento acontece em todo o Cariri e em três cidades do Centro-Sul: Iguatu, Icó e Orós, de 24 a 27 de agosto. Na Praça José Ilânio Couto Gondim, conhecida como La Favorita, em Juazeiro do Norte, acontecem rodas de conversa, palestras, aulas, oficinas e desfiles, nos dias 25 e 26 de agosto. O espaço conta ainda com praça de alimentação, loja colaborativa e feira de produtos agroecológicos da região; além de espaço infantil, atrações musicais e culturais, que convidam o público para desfrutar a noite.

As atividades de turismo contemplam trilhas ecológicas da Chapada do Araripe, que inspira mais uma vez o tema da Mostra, enfocando a flora. “Nossa participação vem no sentido de agregar e valorizar a cultura alimentar cearense, além da economia criativa, movimentando o comércio local. Na praça, abrimos espaços para micro e pequenos empresários, assim como restaurantes tradicionais da Região e produtores agroecológicos”, garante a diretora Regional do Senac Ceará, Débora Sombra.

“Como a Mostra Sesc promove o intercâmbio de saberes e fazeres, estamos trazendo do Sul a consultoria de moda Revoada, para desenvolvimento de coleção com nossos alunos; e o chef Rodrigo Oliveira, de São Paulo, com aula e roda de conversa sobre comida regional e empreendedorismo”, destaca.

Oficinas e aulas de Gastronomia
A Praça La Favorita, em Juazeiro, recebe toda a estrutura para realização das ações educacionais do Senac. Nas oficinas de Gastronomia, intituladas “Ser e Fazer”, os participantes executam a receita acompanhando o instrutor. As oficinas começam a partir das 17h e são apenas 15 vagas por turma. As inscrições são presenciais, por ordem de chegada, com estímulo à doação de um quilo de alimento para o programa Mesa Brasil Sesc, que combate a insegurança alimentar.

No total, são seis oficinas ministradas por instrutores do Senac Ceará e chefs da região, que trazem receitas com insumos e técnicas da cultura alimentar do Cariri, como Arroz de Cordeiro à moda sertão do Cariri; Coxinha de pequi com carne de sol; e Torta de Banana com massa acrescida de farinha de babaçu, recheada com doce de leite do Madeilton e merengue do engenho.
De Fortaleza (CE), participa Nilza Mendonça, pesquisadora e autora do livro Em Busca dos Sabores Perdidos. “Tia” Nilza, como é chamada pelos alunos e ex-alunos do Senac, prepara uma Pequizada com maxixe e palma, pois suas pesquisas são direcionadas para as Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC’s).

Já na ação Comi que Fiquei Triste, os instrutores e chefs fazem o prato passo a passo e, ao final, o público pode degustar. Destaque para participação de Rodrigo Oliveira, chef e dono do restaurante Mocotó (SP), no sábado (26). Em foco, a Comida Sertaneja.

Essas atividades contam com auxílio de alunos dos cursos de Gastronomia, que têm a oportunidade de adquirir experiência profissional em um grande evento. Eles também estão à frente do Bora Fazer, em que ensinam uma técnica de preparo – como diferentes tipos de cortes – para os visitantes. Esses, por sua vez, observam e colocam em prática o que aprenderam. O atendimento é personalizado.

Palestras, rodas de conversas e documentário sobre cultura alimentar
A Oca da Com (Ciência) é o espaço destinado a palestras e rodas de conversa sobre Turismo e Gastronomia na programação do Senac na Praça La Favorita. O Turismo traz cases regionais no segmento de hospitalidade, como o Hotel Nord, e também os Museus Orgânicos do Sesc, por meio do Museu Casa dos Doces João Martins – conhecido popularmente pelo doce de Madeilton. Vale destacar a palestra sobre Turismo Criativo com a autora do livro que leva o mesmo título, Larissa Almeida. Já na Gastronomia, há espaço para discussão sobre o mercado de bares e restaurantes no Cariri e modelos de negócios no segmento da alimentação regional.

Aos interessados, o Túnel da Cultura Alimentar vai projetar na praça um documentário produzido sob a curadoria do instrutor Ícaro Pinheiro sobre as práticas e saberes históricos, culturais, ambientais e territoriais relacionadas à alimentação, a partir de entrevistas e receitas preparadas por cozinheiros que mantém as tradições.

Moda, Economia Criativa e Agroecologia
Nos dois dias de evento, o Senac movimenta a Praça La Favorita com quatro desfiles. Na sexta-feira (25), apresentam suas coleções: um coletivo de alunos do curso de Modelista do Senac e da Universidade Federal do Cariri (UFCA), que venceram a última edição do Concurso dos Novos no DFB Festival; o jovem estilista de moda indígena, Rodrigo Tremembé; e o vencedor da primeira edição do concurso Jovens Criadores Senac, Caio Nascimento.

No sábado (26), alunos do curso Desenhista de Moda do Senac Crato apresentam coleção desenvolvida em colab com a consultoria de moda Revoada – das especialistas em moda sustentável Itiana Pasetti e Adriana Tubino (RS); inspirada no tema da Mostra. Os alunos são orientados pela instrutora Ariane Morais e a direção do desfile é de Cláudio Santana, profissional à frente das passarelas da São Paulo Fashion Week.

Micro e pequenos empreendedores, incluindo ex-alunos da instituição, têm espaço para comercializarem seus produtos na praça de Juazeiro. Na Loja Colaborativa os visitantes da Mostra podem conhecer e comprar das marcas locais artigos de moda e gastronomia. A Livraria Senac Cearáleva as publicações das editoras Senac e Edições Sesc.

Já na Praça de Alimentação, além dos pequenos negócios, dois restaurantes âncoras marcam presença a cada dia, sendo Sirigado do Pedro e Terraço São Bento, na sexta-feira (25); e Restiaurante (do Iu-á Hotel) e Bull 404, no sábado (26). A Feira das Raízes, por sua vez, dá lugar aos produtores agroecológicos, garantindo ao consumidor alimento saudável e sustentável, ao mesmo tempo em que gera renda para comunidades e famílias rurais da região.

Turismo ecológico
Unindo ecoturismo e turismo esportivo, segmento voltado tanto para atletas profissionais quanto para amadores, o Senac propõe duas trilhas na Chapada do Araripe. Os passeios de cicloturismo acontecem sempre pela manhã, nos dias 25 e 26, com saída do Senac Crato (na Praça da Sé), para as trilhas do Picoto e do Belmonte, respectivamente.

No Sítio Fundão está programado um café regional e roda de conversa com o chef Rodrigo Oliveira, contando histórias de empreendedorismo e vivências na Gastronomia.

Saúde e Bem-estar
No espaço, SPA, também situado na Praça La Favorita, instrutores e alunos ofertam serviços de saúde e bem-estar para os visitantes do evento, com apresentação de instrumentais, equipamentos e tecnologia disponíveis no Senac.

Sobre a Mostra
Idealizada pelo Sistema Fecomércio Ceará, através do Sesc, a Mostra Sesc Cariri de Culturas se tornou palco de difusão das mais diversificadas manifestações artísticas e culturais, reconhecida como um dos maiores encontros dessa natureza no País.

A Mostra acontece anualmente no Cariri, transformando a Região em cenário para apresentações de espetáculos de teatro, dança, exposições, shows, cafés literários, rodas de conversas, performances artísticas, mostras de cinema e vídeo, além de ações formativas e seminários. Por meio de sua ampla programação, o evento promove o intercâmbio, a pluralidade e uma valiosa troca artística entre os participantes.

Mostra Sesc Cariri de Culturas
De 24 a 27 de agosto de 2023
Programação Senac

Dias: 25 e 26 de agosto de 2023
Local: Praça José Ilânio Couto Gondim (Praça La Favorita) – End.: Av. Leão Sampaio, 1046 – Bairro Lagoa Seca – Juazeiro do Norte
Horário: De 16h às 22h
Gratuito

Acesse a programação completa no site: www.mostracariri.com.br
*Programação sujeita a alteração

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado