Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Desenrola: Nova etapa negociará dívidas de até R$ 5 mil

(Foto: Divulgação)

A nova fase do programa de renegociação de débitos, Desenrola Brasil, será iniciada em breve e destina-se a pessoas com renda de até 2 salários mínimos ou inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) que possuam dívidas de até R$ 5 mil.

Para participar, é obrigatório se inscrever no gov.br, o portal oficial do governo. Sem esse cadastro, não é possível acessar o sistema para realizar a renegociação das dívidas. A conta gov.br é gratuita e serve para comprovar a identidade do cidadão, Os devedores deverão habilitar contas de nível Prata ou Ouro para participar do programa.

Passos para criar a conta gov.br:

Publicidade
  1. Acesse o portal www.gov.br.
  2. Selecione “Entrar com gov.br”.
  3. Digite o CPF e clique em “Continuar”. Nessa etapa, é possível criar ou alterar a conta.
  4. Preencha o formulário com dados pessoais.

Alcançando o nível Prata:

  • Você pode alcançar o nível Prata de três maneiras:
  1. Validação facial: Use o aplicativo GOV.BR para conferir sua foto junto à Carteira de Habilitação (CNH).
  2. Validação dos dados pessoais via internet banking: Valide seus dados pessoais por meio do internet banking de um banco credenciado. As instituições financeiras credenciadas incluem Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Banco de Brasília, Caixa Econômica, Sicoob, Santander, Itaú, Agibank, Sicredi e Mercantil do Brasil.
  3. Validação dos dados com usuário e senha do Sistema de Gestão de Acesso (SIGEPE): Este método se aplica se você for um servidor público federal.

Alcançando o nível Ouro:

  • Você pode obter o nível Ouro através de duas maneiras:
  1. Validação facial: Use o aplicativo GOV.BR para conferir sua foto nas bases da Justiça Eleitoral.
  2. Validação dos dados com Certificado Digital compatível com ICP-Brasil.

Estima-se que até o momento, o programa Desenrola já atingiu o patamar de R$ 11 bilhões em valores de dívida negociados. 

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado