Conheça o asfalto que carrega carros elétricos nos EUA

Conheça o asfalto que carrega carros elétricos nos EUA
(Foto: Electreon/Divulgação).

Uma inovação tecnológica promete mudar o modo como pensamos sobre a mobilidade elétrica Em Detroit, Michigan. Um projeto piloto implementou uma tecnologia de carregamento sem fio, conhecida como carregamento indutivo, em um trecho de 400 metros na rua 14, similar à tecnologia usada para carregar telefones celulares. Esta inovação proporciona, por meio do asfalto, o carregamento de carros elétricos em movimento, representando um progresso importante para o setor.

A Electreon, empresa responsável pela implementação, revelou que este é o primeiro projeto do gênero nos Estados Unidos, com planos de expandir a rua inteligente para 1,6 km. Bobinas eletromagnéticas sob a superfície do asfalto realizam o carregamento, transferindo energia para os veículos em movimento que estão equipados com os receptores adequados.

Iniciativa oferece mais autonomia

Este método de carregamento tem como objetivo superar uma grande barreira à adoção de carros elétricos: a autonomia limitada das baterias. Além disso, enfrenta a escassez de pontos de carregamento acessíveis. Por sua vez, a capacidade de carregar enquanto se dirige pode aumentar a autonomia dos veículos. Adicionalmente, essa tecnologia pode até eliminar a necessidade de carregar em casa ou em estações de carregamento.

O Departamento de Trânsito de Michigan financiou parcialmente o projeto, investindo US$ 1,9 milhão, o que reflete o custo elevado desta tecnologia. Apesar dos desafios financeiros, Stefan Tongur, da Electreon, acredita que o custo diminuirá à medida que a tecnologia amadurecer, prevendo uma redução para cerca de US$ 750 mil por quilômetro. A tecnologia, segundo ele, não precisa ser implementada em todas as ruas, mas sim em locais estratégicos.

Tecnologia para além dos carros

Além de beneficiar veículos particulares, a tecnologia tem potencial para revolucionar o transporte público e de cargas. Especialmente para veículos que seguem rotas fixas, ela pode reduzir os custos operacionais e emissões de carbono.

Sobretudo, este empreendimento se alinha com o objetivo da governadora de Michigan, Gretchen Whitmer, de tornar a infraestrutura de transporte do estado neutra em carbono até 2050. A cidade de Detroit, com sua rica herança automobilística, está na vanguarda desta transformação, buscando liderar a inovação em veículos e mobilidade no futuro.

Confira também:

Conheça a inspiração romântica por trás do carro mais caro do mundo

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado