Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Marisa anuncia mudança na liderança da empresa

Marisa
(Imagem: Divulgação/Marisa)

Na manhã desta segunda-feira (04), a Lojas Marisa surpreendeu investidores ao anunciar uma mudança estratégica na liderança da empresa. Após nomear Andrea Maria Meirelles de Menezes como CEO há quase um mês, a varejista decidiu passar o bastão para um novo executivo.

O escolhido para assumir o cargo de diretor presidente é Edson Garcia. Ele possui mais de 25 anos de experiência no varejo, com passagens por empresas renomadas como Nestlé, Riachuelo e, mais recentemente, a Caedu, onde atuou como presidente. A posse de Edson Garcia está prevista para ocorrer dentro de 30 dias, conforme comunicado enviado à CVM.

A chegada de Garcia à Marisa tem como objetivo impulsionar a eficiência operacional e retomar a estratégia de negócios bem-sucedida da empresa. Assim, a troca de gestão, segundo a empresa, visa reforçar o DNA da Marisa. Atualmente, a mudança é considerada um passo importante para o crescimento e sucesso contínuo do negócio.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

Enquanto isso, Andrea Maria Meirelles de Menezes assumirá o cargo de presidente do conselho de administração após a assembleia geral ordinária (AGO) de abril. Além disso, ela será a coordenadora do novo conselho de administração, encarregado de dirigir todas as frentes de trabalho ligadas a produtos e serviços financeiros e securitários, digital e inovação e riscos e compliance.

Reestruturação – Marisa

A reestruturação da Marisa já está em curso há algum tempo, incluindo o fechamento de lojas e foco em produtos de melhor desempenho e menor risco. Recentemente, o conselho de administração da empresa propôs aos acionistas um aumento do limite de capital autorizado, visando elevar de 90 milhões para 300 milhões de ações o limite possível de emissão para AMAR3.

Caso aprovado, este aumento no número de ações poderia causar uma diluição dos atuais acionistas. A proposta do conselho ocorre em meio ao processo de reestruturação da Marisa, que enfrentou desafios financeiros nos últimos trimestres. No terceiro trimestre de 2023, a varejista registrou um prejuízo líquido de R$ 196,4 milhões. Assim, houve um aumento de 69,9% no prejuízo líquido ajustado recorrente em comparação ao mesmo período do ano anterior.

A empresa atribuiu os resultados à redução das receitas com vendas de mercadorias devido ao menor nível de estoques. A divulgação dos últimos números financeiros referentes a 2023 está prevista para as próximas semanas, com o balanço do quarto trimestre marcado para o dia 14 de março.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado