Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Conheça as pinturas mais caras de Van Gogh

van gogh
Noite Estrelada (1889) (Foto: Domínio Público / WikimediaCommons / CreativeCommons)

Vincent Van Gogh, um dos mestres da arte pós-impressionista, deixou um legado de intensidade e cor que poucos artistas conseguiram igualar. Suas obras mais valiosas são hoje alguns dos itens mais cobiçados em leilões de arte. Separamos uma lista das 10 obras mais caras do artista, confira os valores milionários e a história de cada uma abaixo:

1. Noite Estrelada – US$ 100 milhões
Considerada inestimável, “Noite Estrelada” é frequentemente citada como uma das pinturas mais reconhecidas globalmente. Esta obra-prima, pintada em 1889, mostra a intensidade do céu estrelado de Van Gogh, combinado com uma vila imaginária sob um amanhecer azul vibrante. Apesar de não ter sido vendida ou leiloada, estima-se que o quadro mais famoso de Van Gogh valha cerca de US$ 100 milhões (cerca de R$ 513 milhões).

van gogh
Noite Estrelada (1889) (Foto: Domínio Público / WikimediaCommons / CreativeCommons)

2. Retrato de Dr. Gachet – US$ 82,5 milhões
Este retrato emocional do médico que cuidou de Van Gogh durante seus últimos dias foi vendido por US$ 82,5 milhões (cerca de R$ 423 milhões). O Dr. Gachet é retratado com uma expressão melancólica, refletindo a empatia e conexão entre o médico e o pintor. A última venda conhecida do Retrato do Dr. Gachet ocorreu em 15 de maio de 1990, em um leilão de Nova York para Ryoei Saito.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
van gogh
Retrato de Dr. Gachet (1890) (Foto: Domínio Público / WikimediaCommons / CreativeCommons)

3. Trabalhador Arando um Campo – US$ 81 milhões
A venda de US$ 81 milhões (cerca de R$ 416 milhões) reflete não apenas a qualidade artística da pintura, mas também a representação simbólica da conexão humana com a terra. Van Gogh captura o árduo trabalho e a solenidade do trabalhador rural com um pano de fundo dramático. Ela foi pintada enquanto o artista estava vivendo na clínica em Saint-Rémy-de-Provence.

4. Autorretrato sem Barba – US$ 71,5 milhões
Este autorretrato é notável por ser um dos últimos completados antes de sua morte, vendido por US$ 71,5 milhões (cerca de R$ 367 milhões). A obra mostra um Van Gogh introspectivo e é uma das poucas imagens dele sem barba, destacando seu estado vulnerável. A última venda conhecida ocorreu em 19 de novembro de 1998, em Nova York, pelos herdeiros de Jacques Koefer a um comprador anônimo.

van gogh
Autorretrato sem Barba (1889) (Foto: Domínio Público / WikimediaCommons / CreativeCommons)

5. Avenida de Les Alyscamps – US$ 66 milhões
Vendida por US$ 66 milhões (cerca de R$ 339 milhões), esta pintura foi criada durante um período de colaboração com Paul Gauguin. Representa uma antiga necrópole em Arles, capturando as cores vibrantes do outono.

6. Papoulas e Margaridas – US$ 62 milhões
Este quadro foi vendido por US$ 62 milhões (cerca de R$ 318 milhões) e é uma demonstração da habilidade de Van Gogh em usar cores vivas para transmitir a efemeridade das flores, simbolizando a brevidade da vida. Ela foi vendida para o empresário bilionário chinês Wang Zhongjun.

7. Retrato de Joseph Roulin – US$ 58 milhões
Este retrato do amigo carteiro de Van Gogh foi vendido por US$ 58 milhões (cerca de R$ 298 milhões). Joseph Roulin é apresentado com dignidade, caracterizado por traços ousados e uma paleta de cores rica, refletindo a estima do artista por seu amigo. A pintura pertencera a um colecionador anônimo em Zurique, Suíça, e foi vendido para o Museu de Arte Moderna de Nova York, em 1º de agosto de 1989.

8. Um Campo de Trigo com Ciprestes – US$ 57 milhões
Pintado em 1889, este vibrante quadro de trigo e ciprestes foi vendido por US$ 57 milhões (cerca de R$ 292 milhões). A obra é um estudo de movimento e cor, mostrando o vento como um elemento dinâmico na paisagem. Durante sua estadia na clínica, o artista foi autorizado a fazer breves caminhadas do lado de fora e pintar ao ar livre. Este quadro foi inspirado pelos ciprestes que ficavam ao redor do asilo.

Um Campo de Trigo com Ciprestes (1889) (Foto: Domínio Público / WikimediaCommons / CreativeCommons)

9. Paisagem sob Céu Tempestuoso – US$ 54 milhões
Esta pintura, que captura um céu dramático sobre um campo florido, foi vendida por US$ 54 milhões (cerca de R$ 277 milhões). Ela exemplifica o uso de cor e forma para transmitir emoção e movimento. O quadro foi pintado em Arles depois que Van Gogh mutilou sua orelha e apenas algumas semanas antes de sua partida para a clínica.

10. Íris – US$ 53,9 milhões
Vendida por US$ 53,9 milhões (cerca de R$ 274 milhões), esta pintura destaca a beleza e a fragilidade das íris. Van Gogh explorou o tema floral com um senso de urgência e intensidade, possivelmente refletindo sua própria luta com a saúde mental. Oquadro foi pintado pouco antes de morrer em 1890.  Alan Bond comprou a pintura em 11 de novembro de 1987.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado