Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Bancos destinam R$ 6 milhões em ajuda ao Rio Grande do Sul

bancos rio grande do sul
(Foto: Reprodução/Agência Brasil).

As enchentes no Rio Grande do Sul receberam uma resposta de solidariedade financeira e operacional por parte de diversas instituições. A Febraban, representando grandes bancos como Itaú, Bradesco, Santander, BTG Pactual, Banco do Brasil e Caixa, revelou a doação de R$ 6 milhões para ajudar os afetados. Este valor se soma a outras contribuições feitas anteriormente, que totalizaram mais de R$ 4 milhões.

Adicionalmente, várias ações práticas foram implementadas. Os bancos associados à Febraban decidiram pausar e renegociar dívidas, além de facilitar o acesso ao saque calamidade do FGTS. Essas medidas visam aliviar a carga financeira das famílias e empresas afetadas, proporcionando um alívio imediato e suporte contínuo.

 

conteúdo patrocinado

A Febraban comunicou, “As vítimas das chuvas históricas que atingem o Rio Grande do Sul têm nosso profundo pesar. Estamos comprometidos em contribuir para os esforços emergenciais.”

Os Correios também se envolveram, estabelecendo postos de coleta de doações em diversos estados, garantindo o transporte gratuito dos itens para as áreas afetadas.

Por outro lado, a Gerdau, uma grande indústria do estado, suspendeu suas operações temporariamente, focando na segurança e no bem-estar de seus funcionários. Além disso, a empresa mobilizou recursos para doar itens essenciais às comunidades próximas e apoiar na logística da região.

Outras empresas, como Frasle Mobility e Randoncorp, planejam retomar suas atividades, adotando todas as medidas necessárias para garantir a segurança dos trabalhadores. Elas expressaram solidariedade e compromisso em manter a comunidade e os investidores informados sobre quaisquer desenvolvimentos.

Além disso, o Banco do Brasil anunciou flexibilizações nas condições de crédito, com opções de carência e extensão de prazos para pagamento destinadas tanto a pessoas físicas quanto jurídicas. O banco também está facilitando o acesso a seguros e prorrogando prazos de pagamentos de financiamentos imobiliários e empréstimos, evidenciando um esforço conjunto para mitigar o impacto financeiro imediato sobre os afetados.

A crise desencadeada pelas enchentes no Rio Grande do Sul tem levado a uma resposta abrangente por parte das instituições financeiras e empresas, que estão ativamente envolvidas em iniciativas de auxílio e recuperação.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado