Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Magazine Luiza reorganiza ações: entenda o impacto no mercado

Ações agrupadas visam reduzir volatilidade na B3

Magazine Luiza reorganiza ações. (Foto: Divulgação/Magazine Luiza)
Magazine Luiza reorganiza ações. (Foto: Divulgação/Magazine Luiza)

Recentemente, para se livrar da montanha-russa das ações e do prejuízo à vista, o Magazine Luiza (MGLU3) colocou em prática uma “solução” já prevista há pelo menos três meses. Em março, a empresa decidiu agrupar ações e o conselho aprovou a medida no mês seguinte para reduzir a volatilidade dos papéis MGLU3 na B3.

Medida de agrupamento

Nesta última segunda-feira (27), as ações de Magazine Luiza passaram a ser negociadas de forma exclusivamente grupada, na proporção 10 para 1. De tal maneira, a empresa agrupou os papéis, que encerraram o pregão da sexta-feira (24) em R$ 1,32, de forma que cada 10 corresponderão a um. Isso está provocando, portanto, uma baixa expressiva no valor do ativo.

Impacto no valor das ações da Magazine Luiza

As ações do Magazine Luiza (MGLU3) operaram em queda na última segunda-feira (27). Após uma abertura em forte queda, os papéis chegaram a R$ 12,33, uma queda de 6,59%. Com isso, nos minutos finais da sessão, a empresa reduziu as perdas, fechando em leve baixa de 0,38%, a R$ 13,15.

Publicidade

Leia também:

Razões para o grupamento

Além disso, o grupamento de ações ocorreu em meio à forte queda de cerca de 40% das ações MGLU3 no ano. Isso se deve ao cenário de juros altos, consumo desafiador e mais competição no setor, apesar das melhores margens registradas nos últimos trimestres. O objetivo é, desse modo, reduzir a volatilidade, já que ações negociadas a preços muito baixos estão sujeitas a variações percentuais distorcidas.

Alteração no patrimônio

O procedimento de agrupar ações não altera o patrimônio do investidor alocado na empresa. Assim, para o valor real do papel, tudo continua na mesma, apenas o número de ações é alterado. Na prática, portanto, como o capital social da empresa não sofrerá alteração, o valor real do papel se mantém.

Reação do mercado

As ações do Magazine Luiza chegaram a liderar as perdas do principal índice da bolsa brasileira, o Ibovespa. Por volta das 11h30, MGLU3 operava em queda de 6,06%, a R$ 12,40. Nos minutos finais da sessão, a empresa reduziu as perdas, fechando em leve baixa de 0,38%, a R$ 13,15.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado