Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Natura emite debêntures sustentáveis atreladas a bioativos da Amazônia

Primeira emissão brasileira de debêntures ligadas a bioativos amazônicos

Debêntures sustentáveis da Natura
(Foto: Gabriel Quintão)

A Natura é pioneira na emissão de debêntures sustentáveis ligadas a bioativos da Amazônia. Movimentou R$ 1,32 bilhão com apoio da International Finance Corporation (IFC) e do BID Invest. A International Finance Corporation contribuiu com R$ 300 milhões, enquanto o BID Invest adicionou R$ 200 milhões.

A iniciativa visa promover o desenvolvimento sustentável na Amazônia, área que a Natura já impacta positivamente há 25 anos. Silvia Vilas Boas, vice-presidente de Finanças e Estratégia da Natura, destaca que a nova emissão fortalece a bioeconomia da região, crucial para a conservação ambiental e geração de renda. A empresa desenvolveu 44 bioingredientes e busca aumentar para 49 até 2027, beneficiando 10 mil famílias locais.

“Ao expandir a produção de bioingredientes, ampliamos o número de famílias fornecedoras, fomentando a economia local e ajudando a manter a floresta em pé,” afirma Vilas Boas.

Importância das Parcerias

A IFC, braço privado do Grupo Banco Mundial, e o BID Invest desempenham papéis essenciais nessa emissão. Como investidor âncora, a IFC mobilizou recursos adicionais para apoiar investimentos na Amazônia, promovendo cadeias de fornecimento sustentáveis de sistemas agroflorestais. Manuel Reyes-Retana, diretor regional da IFC para América do Sul, destaca que o investimento reforçará a produção de bioingredientes da Natura e contribuirá para a conservação da biodiversidade.

Leia Também:

Parcerias Estratégicas

Guillermo Foscarini, diretor corporativo da Divisão de Corporativos do BID Invest, ressalta o potencial dos Sustainability-Linked Bonds para remodelar o mercado de dívida sustentável, gerando maior impacto.

“O setor privado é crucial para gerar impacto na região amazônica, e o BID Invest está totalmente comprometido em apoiá-lo,” afirma Foscarini.

Rigor na Avaliação

A due diligence realizada pela IFC e pelo BID Invest assegura a conformidade com padrões internacionais de sustentabilidade e ética. “A avaliação dessas instituições é rigorosa, examinando nossas políticas e práticas em comparação com os altos padrões do Grupo Banco Mundial,” explica Vilas Boas.

Leia Também:

Histórico de Emissão

A Natura já emitiu 13 debêntures, consolidando seu relacionamento com investidores locais. “Este instrumento tem boa aceitação e flexibilidade, sendo comparável a um bond internacional,” afirma Vilas Boas.

Meta e Impacto

O objetivo da Natura é expandir a bioeconomia amazônica, beneficiando tanto a conservação ambiental quanto a economia local. A emissão das debêntures sustentáveis é uma ferramenta poderosa para alcançar esse objetivo, promovendo o desenvolvimento de bioingredientes e fortalecendo a rede de impacto positivo na região.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado