Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

CPI das Pirâmides Financeiras deve convocar dono da Decolar

(Foto: Divulgação/Agência Câmara)

No último episódio da série de investigações em andamento, o Deputado Duarte Jr. (PSB-MA) movimentou-se para aprofundar os esclarecimentos sobre alegadas práticas irregulares no segmento de turismo. Ele apresentou um requerimento visando quebrar o sigilo da agência de viagens online Decolar, bem como de seus associados, além de solicitar que sejam convocados para depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga potenciais esquemas de pirâmide financeira.

Esta movimentação vem em um momento crucial, quando a comissão está em meio a análises aprofundadas das atividades da 123milhas, uma agência que recentemente solicitou recuperação judicial após o cancelamento de uma série de pacotes, afetando centenas de consumidores.

A iniciativa do deputado tem como principal fundamento a necessidade de elucidar acusações que pendem sobre a Decolar, que também indicam um possível envolvimento da empresa em atividades de pirâmide financeira. Além disso, visa resguardar os direitos dos consumidores e assegurar a retidão do mercado de viagens e turismo no Brasil.

Publicidade

Recentemente, em uma sessão da CPI ocorrida na quarta-feira (6), os ânimos se acirraram com o depoimento de Ramiro Júlio Soares Madureira, co-fundador da 123milhas. O empresário relatou que a Decolar, uma concorrente direta no mercado, teria demonstrado interesse em adquirir sua empresa. Esta afirmação vem como um contraponto às acusações feitas pelo CEO da Despegar, controladora da Decolar no Brasil, Damián Scokin, que em entrevista ao Brazil Journal, categorizou a 123milhas como um esquema de pirâmide financeira.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado