Black Friday: saiba como evitar fraudes e aproveitar descontos reais

Saiba como fugir de fraudes na Black Friday (Foto: Nino Siebra)

A Black Friday, que acontece nessa sexta (24), é um momento crucial tanto para lojistas quanto consumidores, oferecendo oportunidades únicas de vendas e descontos. Porém, essa época também traz riscos, com golpistas de olho nos compradores online.

É fundamental saber como se proteger dos golpes na Black Friday. O site Reclame Aqui oferece insights sobre as fraudes mais comuns e dicas para evitá-las.

Cuidado com descontos ilusórios na Black Friday
Empresas podem enganar consumidores com descontos falsos, inflando preços antes do evento para oferecer “grandes descontos” no dia. Por exemplo, um tênis de R$ 300 pode ser anunciado como 50% off, após seu preço ter sido aumentado para R$ 600. Isso cria uma ilusão de economia, quando na verdade não há desconto real.

Como não cair no golpe “Tudo pela Metade do Dobro”:

  1. Monitore preços com antecedência: Escolha produtos desejados e acompanhe os preços antes da Black Friday.
  2. Use ferramentas de comparação: Utilize tecnologias que comparam preços ao longo do tempo.
  3. Verifique histórico de preços: Acompanhe a flutuação dos preços e fique de olho nos gráficos.
  4. Pesquise a reputação da loja: Verifique os comentários em perfis da loja.

Atenção às mudanças de preço no carrinho
Algumas lojas mostram um preço, mas ao finalizar a compra, o valor no carrinho é maior. Essa prática, além de enganosa, é ilegal. Se identificar essa conduta, denuncie. É recomendável capturar telas da oferta e do carrinho para evidenciar a fraude. Empresas devem cumprir a oferta anunciada, então exija o preço prometido.

Cuidado com ofertas condicionadas a cupons
Alguns descontos podem depender da aplicação de cupons específicos. Certifique-se de ler todas as condições para maximizar os benefícios das ofertas.

Essas dicas podem ajudar a navegar com segurança na Black Friday, aproveitando verdadeiras ofertas sem cair em armadilhas.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado