Pesquisar
Close this search box.

Responsabilidade das imobiliárias na publicidade de imóveis

(Foto: Kindel Media/Pexels)

Imobiliárias desempenham um papel fundamental na negociação e venda de imóveis, facilitando o processo entre compradores e vendedores. No entanto, é essencial compreender suas responsabilidades legais ao promover empreendimentos imobiliários e fornecer informações aos clientes.

Publicidade e Transparência

Uma das ferramentas mais utilizadas pelas imobiliárias para atrair compradores é a publicidade. Ao destacar as vantagens de uma propriedade, elas buscam conquistar interessados. No entanto, é crucial que todas as informações divulgadas sejam precisas e verídicas. A advogada especializada em direito tributário, Dra. Sabrina Rui, enfatiza a responsabilidade das imobiliárias na precisão das informações transmitidas aos compradores.

Responsabilidade nas Informações

As imobiliárias são responsáveis pelas promessas e afirmações feitas durante a venda. Isso inclui verificar a regularidade dos empreendimentos perante órgãos municipais e estaduais e garantir que a documentação esteja correta para registro. Caso sejam detectadas irregularidades após a venda, a imobiliária pode ser responsabilizada por eventuais danos causados.

Exemplo de Responsabilidade

Recentemente, uma imobiliária foi condenada a indenizar compradores que adquiriram lotes de condomínio com base em informações errôneas. A imobiliária havia afirmado que os lotes poderiam ser registrados em cartório, o que se revelou impossível. Esse caso destaca a importância de fornecer informações completas e claras aos compradores.

Pesquisa e Segurança

A responsabilidade pela veracidade das informações recai sobre a imobiliária, mas os compradores também devem fazer sua parte. Consultar especialistas e verificar informações comuns sobre o empreendimento pode aumentar a segurança da compra e evitar golpes.

Outras Responsabilidades das Imobiliárias

Além da precisão das informações, o Código Civil estabelece que os corretores de imóveis e as imobiliárias devem atuar com diligência e prudência, fornecendo todas as informações relevantes aos clientes. Isso inclui esclarecimentos sobre a segurança ou risco do negócio e eventuais alterações de valores.

Documentação em Ordem

Tanto corretores quanto imobiliárias devem verificar a documentação e incluir prazos suficientes para a apresentação de documentos no contrato. Falhas nesse processo podem resultar em responsabilidade solidária entre a imobiliária e os vendedores, especialmente quando a análise insatisfatória da documentação prejudica o comprador.

Consequências Legais

Em casos de problemas decorrentes da documentação inadequada, as imobiliárias podem ser condenadas a restituir aos compradores a comissão recebida na intermediação, com correção monetária e juros moratórios. Custas e honorários advocatícios também podem ser aplicados.

Em resumo, as imobiliárias desempenham um papel vital na venda de imóveis, mas devem cumprir suas responsabilidades legais ao fornecer informações precisas e transparentes aos clientes. Com a devida diligência, tanto compradores quanto imobiliárias podem evitar problemas e garantir transações imobiliárias seguras e bem-sucedidas.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado