Café brasileiro ganha reconhecimento mundial em 2023

Grãos de Café
Foto: Pexels

O Brasil, maior produtor mundial de café, continua conquistando reconhecimento internacional em 2023. Além disso, acumula prêmios e elevou a posição como líder mundial na produção e qualidade do grão, segundo informações do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa).

Grãos produzidos pela Ipanema Agrícola, na Fazenda Rio Verde, em Conceição do Rio Verde (MG), e pelo Grupo Orfeu, na Fazenda Rainha, em São Sebastião da Grama (SP), foram os grandes vencedores do Cup of Excellence Brazil 2023. Afinal, é o principal concurso de qualidade de café do mundo, de acordo com um levantamento realizado pelo Globo Rural.

Da mesma forma, outro destaque foi o café da Fazenda São Mateus Agropecuária, cultivado em Patos de Minas (MG) e Varjão de Minas (MG), que conquistou o primeiro lugar no Prêmio Internacional de Café Ernesto Illy, realizado em Nova York e conhecido como o “Oscar dos cafés”.

Os Melhores Cafés de 2023:

Fazenda Rainha:

Os grãos de café Geisha, originários da Etiópia e cultivados na divisa entre São Sebastião da Grama (SP) e Poços de Caldas (MG), foram premiados. Plantados na região mais elevada da fazenda, a 1.570 metros de altitude, os grãos se beneficiam do território local, com solos vulcânicos que dão ao café sabores cítricos e acidez com notas de frutas amarelas e doçura que lembram mamão, maracujá e laranja.

Fazenda Rio Verde:

Os cafés premiados, tanto na categoria “via úmida” quanto na “via experimental”, vem de um cafezal situado em uma área de 1,5 mil hectares, localizada na região da Serra da Mantiqueira. A plantação está a aproximadamente 1,3 mil metros acima do nível do mar e emprega uma variedade de métodos de processamento. Entre esses métodos, estão a via úmida, que abrange a lavagem dos grãos, e a via experimental, que envolve processos de fermentação induzida.

Fazenda São Mateus Agropecuária:

O café Guima conquistou o título no Prêmio Internacional de Café Ernesto Illy. Conhecido como uma bebida de alta qualidade originária do Brasil, o Guima tem um perfil encorpado, apresentando sabores ricos e suaves que combinam notas de chocolate, caramelo, açúcar mascavo e amêndoas torradas. Cultivado a cerca de 1.030 metros acima do nível do mar.

Avaliação de Qualidade dos Cafés:

A avaliação dos cafés segue uma metodologia técnica, baseada em diversos critérios sensoriais. Dessa maneira, os provadores especializados consideram atributos como fragrância, uniformidade, ausência de defeitos, doçura, sabor, acidez, corpo, finalização e harmonia. Para que o café seja especial, ele precisa alcançar 80 pontos. As melhores bebidas recebem notas superiores a 89, sendo a média dos cafés brasileiros de 91.

O Café Brasileiro:

Portanto, o café brasileiro ganha reconhecimento internacional pela doçura e corpo, enquanto outros países se destacam por características como floralidade (Panamá) ou notas frutadas (Colômbia). O café brasileiro é caracterizado pela densidade e sabor com notas distintas de chocolate, caramelo e rapadura.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado