Pesquisar
Close this search box.

Tem coragem de consumir? Starbucks lança Café de Porco

Starbucks
Imagem: divulgação

A Starbucks, uma empresa americana famosa pelas inúmeras cafeterias ao redor do mundo, surpreendeu ao anunciar uma novidade para celebrar o Ano Novo Lunar na China: o “café de porco”, uma bebida inusitada que inclui um pedaço de carne como adorno.

A bebida peculiar é uma mistura de café expresso e leite vaporizado, adicionada com molho Dongpo, que possui um sabor de porco refogado, e finalizada com carne de peito de porco. O “café com carne de porco” está sendo vendido por 68 yuans, aproximadamente R$ 46, em 25 lojas da China, por tempo limitado.

A novidade gerou discussões nas redes sociais, onde o preço e a combinação incomum de sabores foram tema de polêmica. Algumas postagens no site Insights do Dao, que trata das tendências na China, refletiram a surpresa dos consumidores. “Posso aceitar esses dois juntos no estômago, mas não na boca ao mesmo tempo”, brincou um usuário.

Apesar das opiniões divergentes, a Food Talks, outra publicação chinesa, afirmou que funcionários da Starbucks relataram uma divisão entre os clientes em relação ao lançamento, mas que muitos gostaram da bebida.

Mundo

Enquanto isso, internacionalmente, a Starbucks (SBUX; Nasdaq) anunciou um recorde de vendas de US$ 9,4 bilhões no primeiro trimestre fiscal, encerrado em dezembro. O valor representa um aumento de 8% em relação ao mesmo período do ano anterior, embora tenha ficado abaixo das expectativas dos analistas, que esperavam US$ 9,6 bilhões.

O lucro da empresa atingiu US$ 1,02 bilhão, um crescimento anual de 19,8%. No entanto, o lucro diluído por ação foi de US$ 0,90, abaixo dos US$ 0,93 esperados pelos analistas consultados pela FactSet. Apesar desses números, o mercado reagiu positivamente aos resultados. No momento, as ações da Starbucks estão em alta de 2,4%, cotadas a US$ 96,34, em Nova York.

A empresa também divulgou um aumento de 10% nas vendas nas mesmas lojas (SSS) no mercado chinês, embora abaixo das expectativas dos analistas. A rede observou que as transações nas lojas chinesas aumentaram em comparação com o ano anterior, apesar de uma queda no gasto médio por pedido.

Nos Estados Unidos, as vendas nas mesmas lojas cresceram 5%, com um aumento tanto nas transações domésticas quanto no gasto médio por pedido. A Starbucks implementou uma série de promoções nos últimos meses para atrair clientes, incluindo ofertas de US$ 3 às quintas-feiras e promoções “compre um e leve outro” nos finais de semana.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado