Pesquisar
Close this search box.

Rússia lança nova tripulação ao espaço

tripulação ao espaço
(Foto: GCTC/Andrey Shelepin)

Após um momento de suspense e cancelamento dramático, a Rússia demonstrou uma resiliência espacial ao lançar com sucesso a nova tripulação ao espaço a borda da Soyuz para a Estação Espacial Internacional (ISS), marcando um importante passo para a exploração espacial internacional.

O lançamento, que aconteceu às 9h36 do horário de Brasília deste sábado (23), veio após uma tentativa frustrada que parou a contagem regressiva a apenas 21 segundos do final três dias antes. A Roscosmos, agência espacial russa, mostrou determinação ao superar o obstáculo e cumprir sua missão espacial com sucesso.

Em zero gravidade

O momento de alívio e alegria foi simbolizado pela flutuação da estatueta de “Sharik”, o cachorrinho do amado desenho animado soviético, indicando que a tripulação havia alcançado a gravidade zero. Este detalhe não só confirmou o sucesso da etapa inicial da missão, mas também trouxe um toque de nostalgia e encantamento para os espectadores.

A Soyuz está programada para se acoplar à ISS na segunda-feira (25), às 12h09, iniciando oficialmente sua estadia na estação e contribuindo para a continuidade das pesquisas e experimentos em microgravidade.

Uma tripulação de pioneiros

A bordo, a tripulação que foi ao espaço é composta por: Tracy Caldwell Dyson da NASA, Oleg Novitskiy da Rússia, e Marina Vasilevskaya da Bielorrússia, marcando sua viagem histórica como a primeira mulher bielorrussa no espaço. Cada membro traz uma rica experiência e uma perspectiva única para esta missão, desde longas estadias a uma participação breve, mas significativa, na órbita terrestre.

Enquanto Dyson se une à Expedição 71 por cerca de seis meses no espaço, Vasilevskaya e Novitskiy têm uma missão mais curta, mas igualmente importante, programada para durar apenas 12 dias, depois disso, elas vão voltar para a Terra com a tripulação da Expedição 70. A seleção de Vasilevskaya, uma comissária de bordo transformada em astronauta, enfatiza a abertura e o dinamismo do programa espacial, oferecendo novas perspectivas e inspiração.

É uma grande honra para mim e uma grande responsabilidade estar nesta missão inacreditável”, disse Vasilevskaya antes do lançamento. “Este é o nosso projeto nacional. É uma grande honra. Estou muito orgulhoso de representar a nossa república.

Uma história de sucesso contínuo

A Soyuz, um ícone das missões tripuladas ao espaço, continua a ser um pilar fundamental na colaboração internacional e na exploração espacial. Este lançamento bem-sucedido reafirma o compromisso da agência russa com a ISS e abre novos horizontes para futuras gerações de exploradores espaciais.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado