Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Desastre em Baltimore: ponte bilionária cai e vítimas desaparecem

Ponte Baltimore - EUA
(Imagem: reprodução/Youtube)

Uma parte da ponte Francis Scott Key, uma estrutura de três quilômetros que atravessa o rio Patapsco em Baltimore, na Costa Leste dos Estados Unidos da América, desabou na madrugada desta terça-feira (26). O impacto de um navio de carga desencadeou o colapso, levando o governador do Maryland, Wes Moore, a declarar estado de emergência.

Construção bilionária 

Inaugurada em 1977, a ponte Francis Scott Key serviu como uma via importante para a região do porto de Baltimore, com mais de 12,4 milhões de veículos cruzando-a em 2023, segundo relatório governamental. Os custos iniciais de construção, reportados pelo New York Times, totalizaram US$ 141 milhões na época, o equivalente a cerca de R$ 735 milhões. Na cotação atual, o valor é de 3,6 bilhões de reais, em valores atualizados.

Por volta de 01h30 (02h30 em Brasília), a estrutura da ponte colapsou quando um navio-cargueiro, medindo aproximadamente 300 metros de comprimento e carregado de contêineres, chocou-se contra um dos pilares de apoio centrais. O impacto desencadeou uma reação em cadeia, resultando em um cenário de emergência. Autoridades afirmam não haver indícios de que a colisão foi intencional.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
Resgate

Equipes de resgate imediatamente entraram na água gelada do rio Patapsco, onde se estima que oito pessoas tenham caído. A Guarda Costeira mobilizou barcos e mergulhadores em uma operação de busca intensiva. Horas após o incidente, equipes resgataram duas pessoas, embora elas estivessem em estado grave devido à temperatura das águas. As operações de busca continuam enquanto as autoridades enfrentam o desafio de localizar os desaparecidos.

O navio-cargueiro envolvido, o Dali, de bandeira de Cingapura, havia zarpado do Porto de Baltimore apenas minutos antes da colisão fatal. Com destino ao Sri Lanka, a embarcação, fretada pela gigante da navegação Maersk, estava nos estágios iniciais de uma jornada de 27 dias. Todos os tripulantes foram contabilizados, e relatos indicam que nenhum ficou ferido.

O desmoronamento da ponte Francis Scott Key em Baltimore, após a colisão com um navio-cargueiro, representa não apenas uma tragédia humana, mas também um lembrete dos enormes custos envolvidos na construção e manutenção de infraestruturas. Enquanto as operações de resgate continuam, as autoridades investigam as causas do acidente e avaliam os danos. As equipes destacam a necessidade de investimentos e medidas preventivas para garantir a segurança das estruturas fundamentais.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado