Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Plataforma de vídeos Kwai expande operações no Brasil

Plataforma de vídeos Kwai expande operações no Brasil
(Foto: Divulgação/Kwai).

A plataforma de vídeos curtos Kwai, de propriedade da empresa chinesa Kuaishou, está focada na expansão de suas atividades no Brasil. A empresa acredita no potencial do país para desenvolver um ecossistema de redes sociais robusto, semelhante ao da China. Desde 2019, a Kuaishou investiu R$ 7 bilhões no mercado brasileiro, visando aumentar o número de usuários, influenciadores e empresas parceiras.

Em 2023, a receita da Kuaishou cresceu 20,5%, atingindo US$ 15,68 bilhões. Deste total, 53,1% vieram dos serviços de marketing online e 34,4% da transmissão ao vivo, enquanto os outros 12,5% foram provenientes de serviços diversos. O lucro da empresa foi de US$ 880 milhões, representando uma recuperação em comparação com o prejuízo de US$ 1,89 bilhão em 2022. No mesmo período, o prejuízo operacional nos mercados internacionais reduziu de US$ 910 milhões para US$ 390 milhões, com desempenho notável no Brasil e na Indonésia.

Cerca de 15% dos R$ 7 bilhões investidos foram destinados a remunerar aproximadamente 400 mil criadores de conteúdo no Brasil. Ji Cheng, vice-presidente e chefe de operações globais da Kuaishou, afirmou em uma entrevista que “o que explica o sucesso do Kwai é o conteúdo”. Ele enfatiza a importância de investir e apoiar os criadores para fortalecer o ecossistema.

conteúdo patrocinado

O Kwai não apenas investe em conteúdo, como também explora novas formas de monetização. Na China, a plataforma serve como um e-commerce, onde os usuários podem fazer compras durante transmissões ao vivo. Embora esse modelo ainda esteja em fase inicial no Brasil, a empresa está otimista sobre o crescimento dessa modalidade.

Além disso, o Kwai está explorando o uso de inteligência artificial para simular interações e transformar texto em imagens, visando aprimorar as ferramentas disponíveis para os anunciantes. A empresa planeja expandir essas tecnologias para o Brasil nos próximos anos.

Enquanto o Kwai cresce, ele também enfrenta desafios regulatórios. Em janeiro, o Ministério Público Federal iniciou um inquérito para investigar a plataforma por suposta veiculação de conteúdo falso. Ji Cheng declarou que a empresa está comprometida em criar um ambiente seguro para usuários e anunciantes. Em março, representantes do Kwai se reuniram com o Ministério da Justiça e Segurança Pública para discutir formas de cooperar na identificação de usuários que infringem leis.

A plataforma também está atenta às novas regras do Tribunal Superior Eleitoral sobre anúncios políticos, garantindo transparência e conformidade em suas operações.

O Kwai continua a se posicionar como um jogador influente no mercado de redes sociais, não apenas na China, mas também no Brasil, onde a plataforma busca expandir sua base de usuários e parcerias comerciais.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado