Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Ministério da Saúde alerta sobre a compra de medicamentos para automedicação

Na hora da compra, também é preciso tomar alguns cuidados, como verificar se o número do lote, o prazo de validade. Foto de Anna Shvets no Pexels
Na hora da compra, também é preciso tomar alguns cuidados, como verificar se o número do lote, o prazo de validade. Foto de Anna Shvets no Pexels

As autoridades de saúde e os órgãos de defesa do consumidor orientam sobre os cuidados necessários na hora de fazer as compras na farmácia. O principal alerta é com relação à automedicação. Os consumidores devem buscar orientação profissional antes de adquirir remédios.

De acordo com o Ministério da Saúde, o uso de medicamentos por conta própria pode mascarar sintomas de doenças que precisam de acompanhamento médico. Além disso, o uso incorreto de remédios pode causar problemas como alergia, dependência e até a morte.

Na hora da compra, também é preciso tomar alguns cuidados, como verificar se o número do lote, o prazo de validade, a data de fabricação e o registro do Ministério da Saúde constam na embalagem, segundo a Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor do Estado de São Paulo (Procon-SP).

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

Diante da variação de preços praticados no mercado, também é recomendável que o consumidor pesquise. No site da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) há uma lista de preços máximos disponíveis. Também é possível fazer a consulta de medicamentos nas farmácias ou pela internet.

Com relação às compras on-line, a Anvisa destaca a importância de consultar o médico antes; dar preferência às farmácias conhecidas; solicitar o contato com o farmacêutico registrado; não comprar de sites que não exigem receita; não solicitar remédios que não têm autorização da Anvisa; e verificar se os produtos estão lacrados no momento da entrega.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado