Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Croquete de gado japonês tem fila de espera de 43 anos

Croquete japonês

Em Takasago, Japão, o açougue familiar Asahiya, fundado em 1926, se destaca na produção de croquetes de bife kobe. Essa iguaria japonesa, feita com o renomado gado wagyu, é uma especialidade local que ganhou notoriedade após a Segunda Guerra Mundial.

Croquetes de Kobe: Uma Espera de Décadas

O produto mais requisitado, o croquete Kiwami, simboliza a excelência da Asahiya. Este item exige uma espera impressionante de 43 anos para ser adquirido, custando 2.700 ienes (aproximadamente R$ 90) por uma porção de cinco unidades. O Kiwami é um dos quatro tipos de croquetes oferecidos pela loja, e sua popularidade disparou no início dos anos 2000.

Ingredientes Exclusivos e Produção Sustentável

Primeiramente, todos os croquetes são feitos com batatas cultivadas em solo enriquecido pelo esterco do gado wagyu. Este método de cultivo, sem aditivos químicos ou conservantes, garante a qualidade única e o sabor distinto dos produtos da Asahiya. O croquete “premiere”, o mais caro do açougue, tem uma espera de cinco anos e custa 3.780 ienes (cerca de R$ 126).

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

A Demanda e o Retorno da Venda dos Croquetes

Em 2016, a Asahiya interrompeu a venda dos croquetes devido à extensa espera de 14 anos. Contudo, em resposta a inúmeras solicitações, Shigeru Nitta, o proprietário, decidiu retomar os pedidos no ano seguinte, ajustando os preços para refletir a exclusividade e demanda do produto.

Essa Carne É De Ouro, É?

O gado wagyu, conhecido mundialmente por sua carne de qualidade excepcional, é uma raça bovina originária do Japão. “Wagyu” literalmente significa “gado japonês” (“wa” significa japonês e “gyu” significa gado). Esta raça é famosa por sua carne marmorizada intensamente, que resulta em uma textura extremamente macia e um sabor rico e saboroso.

Existem várias raças de wagyu, incluindo Kobe, Matsusaka e Ōmi. A carne Kobe, talvez a mais famosa, vem de animais da raça Tajima-gyu, criados na prefeitura de Hyōgo sob regras estritas.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado