JPMorgan eleva recomendação da Usiminas para overweight

Usiminas
Foto: Divulgação

O JPMorgan revisou recentemente sua avaliação sobre as ações da Usiminas (USIM5), passando de neutro para overweight, com um novo preço-alvo de R$ 11,00. Essa mudança indica um potencial de valorização de 22%. Com essa atualização, a Usiminas se torna a preferência principal do banco no setor siderúrgico.

Usiminas: Uma Escolha de Destaque no Mercado

A recomendação da Usiminas se destaca por conta de sua significativa reviravolta operacional. A empresa concluiu a revitalização de seu Alto-Forno nº 3 e das oficinas de aço, marcando uma transição para operações mais modernas e eficientes. Essa evolução é crucial para aumentar a capacidade operacional e reduzir custos, tornando a Usiminas uma opção atraente para investidores.

Perspectivas Positivas para o Setor Siderúrgico no Brasil

Apesar dos desafios do cenário macroeconômico global, o Brasil mostra sinais de recuperação na demanda, especialmente para aços planos. A Usiminas, com seu foco renovado e operações aprimoradas, está bem posicionada para aproveitar esse momento. Taxas de juros mais baixas no país contribuem para o otimismo no setor.

Consolidação sob Grupo Ternium e Valoração de Mercado

Analistas apontam o potencial de ganhos com a consolidação do controle do grupo Ternium na Usiminas. A empresa apresenta um Valor da firma (EV)/lucro antes de juros, impostos e depreciação (Ebita) atraente, estando abaixo da média das siderúrgicas latino-americanas e globais.

Posicionamento do JPMorgan sobre Impostos de Importação no Brasil

O JPMorgan não antecipa a implementação de impostos de importação de aço no Brasil, apesar da presença do aço chinês no mercado. O banco argumenta que qualquer aumento nos preços do aço poderia impactar negativamente setores chave para os programas sociais do país, como o imobiliário e automotivo.

Ninguém É De Ferro

Com a Usiminas agora como escolha principal do JPMorgan no setor siderúrgico, a empresa representa uma opção atraente para investidores, dada sua reviravolta operacional e posição estratégica no mercado.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado