Pesquisar
Close this search box.

Unilever vai separar Ben & Jerry’s e cortará 7.500 empregos

Unilever separa Ben & Jerry’s e corta 7.500 empregos
(Foto: Divulgação/Ben & Jerry’s).

A Unilever anunciou, em comunicado ao mercado nesta terça-feira (19), a intenção de separar sua unidade de sorvetes, que inclui marcas renomadas como Ben & Jerry’s e Magnum, do restante de suas operações. Esta decisão integra o plano de reestruturação da empresa, que tem como meta concluir o processo até 2025.

No pregão do dia do anúncio, as ações da Unilever observaram um aumento superior a 5%, refletindo a reação positiva do mercado à notícia. O comunicado detalha que a unidade de sorvetes, responsável por € 7,9 bilhões em receitas no ano de 2023, representa aproximadamente 13% do faturamento total da empresa, que foi de € 59,6 bilhões.

 

A Unilever argumenta que o desmembramento permitirá que a divisão de sorvetes prospere de forma mais eficaz como uma entidade independente. Paralelamente, a empresa busca se reestruturar em quatro principais divisões: beleza e bem-estar, cuidados pessoais, cuidados domésticos e nutrição, visando uma operação mais simplificada e focada.

A reestruturação impactará cerca de 7,5 mil postos de trabalho, principalmente em funções de escritório ao redor do mundo. Este processo acarretará em custos totais de reestruturação equivalentes a aproximadamente 1,2% do faturamento do grupo nos próximos três anos, conforme indicado pela Unilever.

 

A empresa mencionou que a “cisão” da divisão de sorvetes e sua possível listagem independente na bolsa de valores é o cenário mais provável, embora outras opções estejam sendo consideradas para maximizar os retornos para os acionistas. Essa estratégia é uma resposta ao desempenho de vendas abaixo do esperado na divisão de sorvetes, e espera-se que resulte em economias de 800 milhões de euros (cerca de 870 milhões de dólares ou 4,3 bilhões de reais) nos próximos três anos.

A redução da força de trabalho afetará 6% dos 128.000 empregados da empresa globalmente, sinalizando uma mudança significativa na estrutura organizacional da Unilever. A companhia, conhecida por marcas como Dove, Axe, Cif, Hellmann’s e Knorr, também havia vendido recentemente a Elida Beauty para a Yellow Wood Partners, como parte de sua estratégia de otimização.

Nos últimos anos, a Unilever, assim como outras grandes multinacionais, enfrentou o desafio de aumentar os preços de seus produtos para compensar os crescentes custos operacionais em um ambiente de inflação elevada. A separação da unidade de sorvetes é mais um passo da empresa em sua busca contínua por eficiência operacional e redução de custos.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado