Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Amazônia: incêndios em florestas maduras aumentaram 152% em 2023

incêndio na Amazônia
(Foto: Jader Souza/AL Roraima)

Em 2023, um aumento alarmante de 152% nos incêndios de florestas maduras na Amazônia acendeu um sinal de alerta para a preservação deste ecossistema vital. As florestas maduras, essenciais para a biodiversidade e o armazenamento de carbono, enfrentam uma crescente vulnerabilidade ao fogo. Os dados são de uma pesquisa publicada no Global Change Biology.

Dados alarmantes

A pesquisa revelou um salto nos focos de incêndio de 13.477 para 34.012 em apenas um ano área da Amazônia. Este crescimento ocorre mesmo diante de uma redução geral de 16% nos focos de calor e de 22% no desmatamento na região. Pará e Roraima estão entre os estados mais afetados, com este último declarando emergência em 14 municípios.

Causas e consequências

O estudo aponta secas prolongadas e a fragmentação da floresta como principais causadores do aumento das queimadas. A interação destes fatores com as mudanças climáticas sugere um futuro preocupante para a floresta. Se não houver uma mudança na gestão ambiental, a Amazônia pode enfrentar perdas irreversíveis em sua capacidade de sequestrar carbono e manter seu microclima.

conteúdo patrocinado

Como o desmatamento fragmenta a paisagem, criando mais bordas entre as florestas e as áreas abertas, as florestas maduras ficam mais permeáveis ao fogo. Somando as secas extremas, o uso contínuo do fogo na região e a presença de áreas florestais mais degradadas, por incêndios passados, extração ilegal de madeira e efeito de borda, espera-se uma floresta cada vez mais inflamável. ” declarou Luiz Aragão, autor do estudo, para a Agência FAPESP.

Esforços de combate

O Ibama e o Prevfogo intensificam esforços para combater os incêndios, destacando a importância de uma abordagem colaborativa e de longo prazo para proteger as florestas maduras. A adoção de práticas sustentáveis e o fortalecimento das políticas de conservação são essenciais para garantir a sobrevivência da Amazônia.

Futuro incerto

A continuação desse padrão de incêndios coloca em risco a sobrevivência de inúmeras espécies e compromete o equilíbrio climático global. A Amazônia, um dos maiores tesouros naturais do planeta, enfrenta um desafio sem precedentes. A união de esforços em nível global e local torna-se crucial para reverter essa tendência devastadora e proteger nosso futuro. As florestas maduras abrigam uma ampla diversidade de animais e plantas e desempenham um papel fundamental no armazenamento de carbono, na regulação do ciclo hidrológico, na proteção do solo contra a erosão e na provisão de recursos naturais.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado