Pesquisar
Close this search box.

Franquias da Stanley: qual o custo e como montar uma loja

franquias da Stanley
Quiosque no Shopping Rio Mar, em Fortaleza-CE (Foto: Divulgação).

A Stanley, reconhecida pelos copos térmicos que conquistaram as redes sociais, identifica o Brasil como um mercado chave. Com 32 lojas em 20 cidades, o país destaca-se pela quantidade de estabelecimentos da marca, todos operando sob o modelo de franquia. Essa estratégia coloca o Brasil em uma posição de destaque, sendo o único país onde a Stanley adota o franchising.

Como abrir uma franquia da Stanley

Interessados em abrir uma franquia da Stanley devem se dirigir ao time comercial da marca no Brasil. A companhia conta com o apoio de consultorias especializadas para estruturar o projeto de franquias. O investimento necessário varia conforme vários fatores, como localização e gestão mas a taxa inicial de franquia está fixada em R$ 60 mil. A Stanley planeja expandir sua rede com 30 a 40 novas franquias em 2024.

Pontos de vendas

Para quem pensa em montar uma franquia, é importante saber que as lojas físicas da Stanley estão localizadas em shoppings centers. “As lojas/quiosques são pontos de venda físicos estrategicamente posicionados em shoppings centers de maior representatividade nas cidades. Em um momento futuro, poderemos ter a integração do on e off, visto que estamos em busca da melhor experiência ao consumidor”, diz a marca.

A inauguração da primeira loja da Stanley no Brasil ocorreu em Campinas, interior de São Paulo, em 2021, enquanto a loja mais nova abriu suas portas no Beiramar Shopping, Florianópolis (SC), em fevereiro. Internacionalmente, a Stanley possui quatro estabelecimentos na Argentina e um no Chile, todos geridos diretamente pela marca, sem adotar o modelo de franquias. Diferentemente, no Brasil, a Stanley se destaca por expandir exclusivamente através de franquias.

Trajetória

A história da Stanley começa com William Stanley Jr. em 1913, quando inventou a tecnologia de isolamento térmico para os seus copos. Originalmente voltados para um público de trabalhadores manuais e militares, os produtos se destacavam pela durabilidade. Sob a administração da PMI Worldwide desde 2002, a Stanley ganhou reconhecimento internacional, chegando ao Brasil em 2015. Recentemente, a marca enfrentou controvérsias devido à presença de chumbo em seus produtos, no entanto, a empresa declarou que o metal não entra em contato direto com os consumidores.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado