Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Mudança na Vice Media elimina divisão digital

Vice Media prepara demissões e fechará divisão digital. (Foto: Rodeo Project Management/Unsplash)
Vice Media prepara demissões e fechará divisão digital. (Foto: Rodeo Project Management/Unsplash)

A Vice Media, conhecida por seu jornalismo e conteúdo digital, enfrenta uma grande reestruturação sob a nova liderança da Fortress Investment Group, Soros Fund Management e Monroe Capital. Os novos proprietários, que adquiriram a Vice em um processo de falência no ano passado, estão planejando demissões em massa, afetando centenas dos mais de 900 funcionários da empresa.

Transição para modelo de estúdio e venda de ativos

O CEO da Vice, Bruce Dixon, anunciou que a empresa não publicará mais conteúdo digital em seu site principal, marcando uma transição completa para um modelo de estúdio televisivo. Além disso, estão em andamento negociações avançadas para vender o site de entretenimento Refinery29, indicando uma mudança significativa na estratégia de negócios da Vice.

Contexto das demissões e desafios do setor

As demissões na Vice ocorrem em um momento desafiador para o setor de mídia digital, com empresas como o Los Angeles Times, o Washington Post e o Wall Street Journal também enfrentando cortes ou fechamentos. A indústria tem lutado contra a diminuição do tráfego da web e a competição de plataformas de mídia não tradicionais, como TikTok e Instagram.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

Histórico de investimentos e perdas

Fundada como uma revista punk em Montreal, a Vice se expandiu globalmente, atraindo investimentos de grandes nomes como Disney e A&E Networks. No entanto, a empresa sofreu uma dramática reviravolta, com demissões quase anuais e perdas crescentes, culminando em um pedido de falência e uma reavaliação de sua estratégia sob a nova propriedade.

Mudanças de liderança e estratégia de longo prazo

Além das mudanças estruturais, a Vice também vê mudanças em sua liderança, com a saída do principal executivo de comunicações, Jonathan Bing, que estava planejando criar uma nova empresa. Enquanto os novos proprietários decidem sobre uma estratégia de longo prazo, os funcionários e observadores aguardam ansiosamente por mais informações sobre o futuro da marca de mídia jovem.

A Vice Media, em meio a essas transformações, não fez comentários imediatos sobre os próximos passos, deixando a indústria da mídia e seus seguidores em expectativa sobre o futuro da empresa e do cenário digital como um todo.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado