Pesquisar
Close this search box.

Expansão: TIM explora mercado de energia livre no Brasil

A TIM Brasil, reconhecida por seus serviços de telecomunicações, está definindo estratégias para diversificar sua atuação no mercado brasileiro, com um foco especial no setor de energia livre. Alberto Griselli, CEO da operadora, revelou planos para explorar oportunidades nesse segmento, marcando um novo capítulo na trajetória da empresa. Este movimento segue a tendência de outras empresas de telecomunicações que encontraram no mercado de energia livre um campo promissor para expansão.

Estratégias de diversificação e crescimento

Já estabelecida em setores como financeiro, educação e saúde através de parcerias estratégicas com o banco C6, Descomplica e Cartão de Todos, a TIM agora visa o mercado de energia como uma nova frente de negócios. Com uma base de 62 milhões de clientes, a operadora busca ampliar seu portfólio de serviços, oferecendo mais do que apenas soluções de telecomunicações. A entrada no mercado de energia livre é vista como um passo natural nessa direção de diversificação.

Desempenho financeiro e expansão de mercado

A TIM reportou um crescimento de receita de 6,8% no último trimestre do ano passado, atingindo R$ 6,275 bilhões. Este desempenho financeiro sólido fornece uma base robusta para a empresa explorar novos mercados. A aquisição de parte da telefonia móvel da Oi, adicionando cerca de 10 milhões de clientes à sua base, e a expansão para cobertura 3G e 4G em todo o Brasil, foram passos importantes nesse sentido.

Futuro da TIM no segmento de banda larga e energia

Embora atualmente a TIM detenha apenas 2% do mercado de banda larga no Brasil, a empresa tem planos ambiciosos para crescer neste segmento sob a marca Ultra. Griselli enfatiza que, embora a TIM não pretenda entrar em uma guerra de preços por participação de mercado em banda larga, ela não descarta uma participação ativa no processo de consolidação do setor no futuro.

A TIM Brasil está se posicionando para ser um player influente não apenas no mercado de telecomunicações, mas também no de energia livre. Com uma abordagem estratégica para diversificação e crescimento, a empresa busca fortalecer sua presença no mercado brasileiro, oferecendo uma gama mais ampla de serviços para seus clientes.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado